Rio Branco, Acre,


BBB17: Marcos Harter se pronuncia após vídeo em que Emilly relata agressões

O médico afirmou ter deixado o reality show com os braços "cheios de marcas das unhas de Emilly"

Omédico Marcos Harter, ex-participante do Big Brother Brasil 17, se pronunciou após um vídeo vazado no qual Emilly Araújo relatou ter sido agredida por ele. O gaúcho foi expulso do reality show sob acusações de agressão e chegou a processar a TV Globo.

Em entrevista à colunista Fábia Oliveira, do jornal O Dia, Marcos afirmou ter saído “do programa com meus braços cheios de marcas das unhas de Emilly”.

PUBLICIDADE
Em imagens vazadas na internet, Emilly aparece no confessionário conversando com um médico e uma advogada. Foto: reprodução

“Isso nunca foi levado em consideração, além das outras agressões que ela fez contra mim, e isso nunca foi abordado pela Globo. Outra questão é: se de fato Emilly foi agredida, por que as mais de 200 câmeras do programa não conseguiram registrar tais cenas e estas nunca vieram ao público? Garanto que nunca virão; pois não existem”, declarou.

À jornalista, Marcos exibiu trechos do programa e deu atenção especial à festa Piscina Retrô. Na ocasião, Emilly mostrou uma marca no braço após um beliscão.

“Essa é a festa na qual Emilly ficou com uma equimose [roxo] na face posterior do braço. Ela me unhou também. Mas era apenas uma brincadeira. E nesse novo vídeo que vazou, ela mostra como se tivesse sido agressão”, disse Marcos.

Emilly Araújo, campeã da 17ª edição do reality global, ainda não se pronunciou sobre o assunto.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up