Rio Branco, Acre,


Estudante preso pela suposta prática de racha no Acre troca de advogado

Gilard Souza, que vinha atuando na defesa do jovem, deixou o caso neste sábado (15)

O estudante Alan Araújo de Lima de 21 anos, preso na última sexta-feira, 14, pela suposta prática de um racha, que acabou na morte da jovem Jonhliane Paiva de 30 anos, trocou de advogado. Gilard Souza, que vinha atuando na defesa, deixou o caso neste sábado, 15.

A família do estudante contratou o criminalista Romano Gouveia para defender Alan Araújo. Na tarde deste sábado, o novo defensor esteve no presídio Francisco de Oliveira Conde e conversou com Alan.

PUBLICIDADE

Romano Gouveia deve adotar uma nova linha na defesa do estudante e algumas medidas em caráter de urgência devem ser empregadas na tentativa de revogar a prisão preventiva.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up