Rio Branco, Acre,


Mara insulta Gladson Cameli e ele reage: “Babaca, mal amada. Quanto te devo?”

Clima esquenta entre deputada federal e governador, que trocam farpas pelas redes sociais

Salvador da pátria

Railson Correia em Live ontem (22) à noite, se apresentou como um verdadeiro salvador da pátria no Depasa. Segundo ele, quando ele passou pelo departamento não faltava água e nem quebravam bombas.

PUBLICIDADE

A força do ex-lider

O ex-líder do governo, deputado Luiz Tchê (PDT) selou o cavalo no governo. Já tinha em sua cota a Funtac, agora abocanhou cargos na Polícia Civil. As últimas nomeações causaram frisson no primeiro andar do Palácio Rio Branco.

As listas

Começaram a circular nas redes sociais, causando certo pânico para comissionados do governo, listas de supostas exonerações que virão após o dia 15 de setembro, data limite para as convenções.

Baixou o nível

A deputada Mara Rocha soltou “os cachorros” ontem em cima do governador Gladson Cameli. Cumprimentou Cameli com um excelentíssimo entre aspas e mandou ele engolir os cargos hoje exercidos por filiados do PSDB.
“Bom dia “excelentíssimo” governador! Engula seus cargos e aproveite e comunique as pessoas que fizeram as indicações usando meu nome. Pare de picuinhas. Isso não é papel de um governador. Seu governo é fraco, um fiasco e não mostrou a que veio. As pessoas estão morrendo sem medicamentos, atendimento e estão jogadas nos hospitais. Seu sorriso falso e seus discursos vazios não vão enganar a população por muito tempo. Vai cumprir o papel para o qual o você foi eleito. Um estado não é brinquedo de menino rico para você brincar de reizinho!”

O troco

Magoado, Gladson Cameli chamou Mara de babaca, mal amada e perguntou quanto devia a ela. Cameli é manso, mas quando fica brabo dá o troco igual ao tio, Orleir Cameli, que era um homem generoso, mas não tinha papa na língua.

Ele voltou

O estilo “paz e amor” do presidente Jair Bolsonaro durou poucas semanas. Ontem (23) durante entrevista coletiva ele ameaçou um jornalista do jornal O Globo que o fez uma pergunta sobre o processo de “rachadinhas”.

O jogo começou

No Alto Acre a prefeita Fernanda Hassem recebeu um apoio de peso para sua reeleição. O grupo do Solidariedade fechou aliança e indicou Emerson Leão como pré-candidato à vice em sua chapa.

Grupo forte

Detalhe, o grupo de pré-candidatos do Solidariedade em Brasileia é um dos mais fortes. A construção da chapa contou com a experiência do ex-prefeito Ederaldo. A deputada federal Vanda Milani diz que tem “admiração de sangue” por Fernanda Hassem.

Replica

O vice-governador Major Rocha e o pré-candidato a prefeitura de Rio Branco, deputado Roberto Duarte trocaram farpas pelas redes sociais durante o final de semana. Através das duas lideranças, PSL e MDB protagonizam o que não é recomendável na política, ou seja, ciscam para fora.

Fazendo história

O secretário de educação Mauro Sérgio foi o primeiro a visitar a comunidade indígena do Cachio, em Tarauacá após 35 anos. Mauro já tinha entrado para a história como o primeiro secretário a visitar a reserva extrativista de Cazumbá, em Sena Madureira.

Tesoura

Gladson Cameli não deve passar a tesoura somente nos cargos de indicados por Mara Rocha, mas em outros comissionados que vivem nas redes sociais escrevendo picuínhas e difamando a prefeite Socorro Neri.

Federais

O governador Gladson Cameli chamou os deputados federais que lhe apoiam para uma conversa pé de orelha. Saiu de seu escritório particular com a seguinte aliança: DEM, SOLIDARIEDADE, PRB. Todos no palanque de Socorro Neri.

Unidas

Toinha Vieira e Charlene Lima desfizeram neste final de semana Fake News que noticiavam o fim da aliança. Unidas mais que nunca, elas avaliaram como desespero de adversários que se acham eleitos.

Dividida

Os líderes da oposição em Sena Madureira alardearam nos quatro cantos que estariam em um único palanque, proposta que foi por água abaixo.

Números

Quem dera que os recursos anunciados pelo Plano Safra 2020 para o Acre – um total de R$ 300 milhões – fossem todos convertidos em investimentos. A burocracia acaba atrapalhando e muito os empreendedores.

Cabeça de burro

Parece que enterraram uma cabeça de burro no projeto de recuperação de ramais pela Caixa Econômica Federal. Vai a cima e abaixo e o governo não consegue licitar o processo. Uma fonte disse à coluna que existe sobrepreço nas planilhas. R$ 94 milhões que poderiam ajudar e muito no escoamento da produção.

Casa da Mulher

A primeira casa da mulher brasileira será construída no Acre. Esse projeto recebe recursos da senadora Mailza Gomes (Progressistas-AC), um total de R$ 5 milhões. A senadora vem trabalhando e muito em Brasília.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up