Rio Branco, Acre,


Sindicato dos Frigoríficos critica redução de ICMS do frango congelado no Acre

Para entidade, indústrias de outros estados terão preços mais baixos e Acreaves será prejudicada

O Sindicato das Indústrias de Frigoríficos e Matadouros do Estado do Acre (Sindicarnes) lançou nesta terça-feira (26) nota contrária à redução do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) do frango congelado vendido no estado.

A alíquota praticada sobre o produto cairá de 17,5% para 5%. Para o Sindicarnes, a medida vai baratear o preço do frango produzido fora do Acre e vendido no estado, o que pode prejudicar a Acreaves, única indústria frigorífica de aves local.

PUBLICIDADE

Segundo o sindicato, a empresa emprega 300 funcionários diretos e gera 2,4 mil empregos indiretos. Cerca de 150 famílias de produtores vivem da avicultura.

“São repassados ao Estado anualmente R$ 1,5 milhão de ICMS diretamente e mais R$ 1,5 milhão indiretamente. Medidas como essa inviabiliza as atividades da Acreaves”, diz a nota, assinada pelo representante Jose Aristides Junqueira.

O documento diz contar com o apoio do governo e das bancadas federal e estadual para o fortalecimento das indústrias, empregos e economia acreanas.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up