Rio Branco, Acre,


Bebê de 11 meses é internado com sinais de estrangulamento; padastro é suspeito

O principal suspeito do crime é o padrasto da criança. Segundo a tia, Alienne Gonçalves, o homem batia na mãe

Um bebê de 11 meses deu entrada no Hospital de Saracuruna, na Baixada Fluminense, nesta quarta-feira (2), com sinais de agressão física e estrangulamento.

O principal suspeito do crime é o padrasto da criança. Segundo a tia, Alienne Gonçalves, o homem batia na mãe, mas nunca havia feito nada contra a bebê.

PUBLICIDADE

“Há um mês, ele foi agredir a minha irmã e o soco pegou na neném. Conseguimos tirar elas de casa, mas o homem conseguiu convencê-la a voltar.”,afirmou em entrevista à Record TV Rio.

O fato teria ocorrido na rua Paulo Cesar, em Belford Roxo, na mesma região. A mãe da criança registrou a ocorrência da 54ª DP (Belford Roxo).

O suspeito está desaparecido, mas Alienne chegou a conversar com ele por telefone.

“Ele disse que foi um acidente, que a bebê havia caído da cama. Mas na casa não tem cama e a própria mãe dele confirmou”, contou.

“Jamais cometi atos ilícitos”, diz Witzel após decisão do STJ

A menina passou por uma cirurgia para a reconstrução do crânio e está internada em estado grave na UTI (Unidade de Tratamento Intensivo) da unidade de saúde.

Os agentes do 15ºBPM (Caxias) foram acionados e Polícia Civil investiga o caso. O crime também foi encaminhado para a Assistente Social da unidade.

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up