Rio Branco, Acre,


Família desabafa na web após criança morrer afogada em piscina de hotel de luxo: ‘Angústia’

Vítima tinha apenas 5 anos. Familiares relataram, por meio das redes sociais, que momento é de muita dor após perda de criança

Familiares do menino de 5 anos que morreu após cair e se afogar em uma piscina de um hotel de luxo em Santos, no litoral de São Paulo, fizeram postagens de desabafo nas redes sociais. Amigos da família também fizeram homenagens à criança e lamentaram o ocorrido.

O pequeno Bruno Pedersen morreu por volta das 17h de quinta-feira (24), em um hotel localizado no bairro Gonzaga. Policiais militares foram acionados, via Copom, para uma ocorrência de afogamento. No hospital, os PMs foram informados pela mãe da criança que a família estava na piscina do hotel quando o menino se afogou, após um momento de distração.

PUBLICIDADE

Essa foi a primeira vez que familiares se manifestaram nas redes sociais sobre a morte da criança. Uma avó da vítima relatou, por meio de seu perfil, que é um momento de muita dor para ela, e que se sente “destruída” após o ocorrido. “Apesar de estar chapada de calmante, estou consciente que estou destruída, acabaram minhas forças. Meu netinho foi embora para sempre”, escreveu.

Outro familiar também afirmou em um post que o sentimento é de angústia pela perda de Bruno.

A mãe, após o ocorrido, declarou luto em seu perfil. Conforme apurado pelo G1, Bruno era seu filho mais novo. Colegas dos familiares e moradores da cidade se solidarizaram com a dor da mãe e prestaram apoio nas redes sociais. Ela recebeu centenas de mensagens de solidariedade em seu perfil.

A criança chegou a ser socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Pronto Socorro da Santa Casa, onde faleceu. Imagens dos fatos foram apreendidas pela polícia para auxiliar na investigação.

De acordo com a Polícia Civil, foi solicitada perícia no local e exame no Instituto Médico Legal (IML). O caso foi registrado na Central de Polícia Judiciária (CPJ) de Santos e será investigado pela Delegacia de Defesa da Mulher (DDM).

Em nota, o Parque Balneário Hotel afirmou que, diante da fatalidade ocorrida na tarde de quinta-feira, o empreendimento lamenta profundamente e se solidariza com os familiares. O hotel afirma estar prestando todos os esclarecimentos às autoridades e todo o apoio necessário à família. O estabelecimento ainda destaca que prestou os primeiros socorros à criança no local e acionou os paramédicos.

(Foto: Reprodução/Redes sociais)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up