Rio Branco, Acre,


Libertadores no SBT: o que esperar da emissora baseado no histórico?

A equipe vem pressionada, com apenas nove pontos em oito jogos, perto da zona de rebaixamento

Fechado com a Conmebol para transmitir os jogos da Copa Libertadores de 2020 a 2022 em TV aberta, o SBT corre agora para reforçar seu time esportivo. A tendência é que o narrador formado na casa, Téo José, seja a voz principal das jornadas.

Embora haja certa expectativa por parte do torcedor sobre a qualidade das transmissões esportivas, o SBT conta com um histórico de peso na área. Desde a Olimpíada de 1984 até o Flamengo x Fluminense em julho de 2020, a emissora de Silvio Santos costuma emplacar bons nomes e números (veja abaixo).

O SBT terá o direito de transmitir dois jogos por rodada, sempre às quartas-feiras no horário das 21h30 (de Brasília). A emissora vai herdar as partidas que a Globo já havia escolhido previamente, antes de romper o seu contrato com a Conmebol. O primeiro duelo será entre Bolívar x Palmeiras, na quarta (16/9), às 21h30.

PUBLICIDADE
DIVULGAÇÃO/SBT

O histórico do SBT em transmissões esportivas

Olimpíada de 1984
Ainda como novato na área, o SBT deu os primeiros passos no esporte nos Jogos Olímpicos de Los Angeles. A emissora apostou em boletins diários e reportagens para ganhar visibilidade.

Copa do Mundo 1986
Dois anos após se destacar na cobertura – que não foi transmitida ao vivo – dos Jogos de Los Angeles, o SBT investiu ainda mais em esporte e estabeleceu uma parceria com a TV Record para exibir a Copa do Mundo no México. Na ocasião, Silvio Luiz, então funcionário da Record, era o nome principal da equipe.

Brasileirão de 1987
O SBT transmitiu com exclusividade a final do Campeonato Brasileiro de 1987, entre Sport e Guarani, com narração de Ivo Morganti, comentários de Clodoaldo e reportagens de Jorge Kajuru. A emissora transmitiu os jogos do Módulo Amarelo e, um ano depois, as partidas do quadrangular final do Campeonato Brasileiro em 1988.

Olimpíada de 1988
O SBT participou do pool de TVs brasileiras e transmitiu os Jogos de Seul com Globo, Bandeiras e Manchete. O programa Momentos Olímpicos ajudou ainda mais a emissora a reforçar sua marca no meio esportivo.

Copa do Mundo de 1990
O SBT também transmitiu a Copa do Mundo de 1990 em conjunto com outras emissoras. Dessa vez, no entanto, atuou com equipe própria (não fez parceria com a Record) e contou com um time de craques com Luiz Alfredo, Emerson Leão, Sócrates e Telê Santana.

Copa do Mundo de 1994
O investimento para o Mundial nos Estados Unidos começou um ano antes, quando o SBT transmitiu jogos das Eliminatórias. Na Copa, dividiu a transmissão com outras emissoras. O time de locutores foi formado por Luiz Alfredo, Carlos Valadares e Osmar de Oliveira e os comentaristas eram Telê Santana, Orlando Duarte, Carlos Alberto Torres (capitão do tri em 1970) e Antero Greco. Nesse ano, o SBT se destacou pelo “amarelinho”, o mascote (uma bolinha amarela) das transmissões dos jogos do Brasil na emissora.

Copa do Brasil de 1995
Esse foi o ano em que o SBT lançou Téo José na narração esportiva e registrou uma audiência de 52 pontos – um dos maiores da sua história – com a Final da Copa do Brasil entre Grêmio e Corinthians, em 1995.

Paulistão de 2003
O investimento do SBT em esporte começou a minguar a partir dos anos 2000. Transmissões do Campeonato Paulista (2003) e jogos avulsos (como o Fla x Flu de 2020), além de programas estaduais, passaram a ser as únicas inserções.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up