Rio Branco, Acre,


No Acre, Incra proíbe entrada de mulheres com decote acentuado e minissaia

Órgão instalou placa na entrada da sede com várias restrições relacionadas à vestimenta

A superintendência do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) no Acre instalou uma placa na entrada da sede com várias restrições de entrada relacionadas à vestimenta.

Uma delas diz que mulheres com decote acentuado, minissaia ou miniblusa estão proibidas de acessarem o espaço. Pessoas trajando bermuda, short, calção ou camiseta regata também não podem entrar no local.

PUBLICIDADE

A reportagem entrou em contato com a autarquia para entender como será feita a medição dos trajes, porém foi informada que a única pessoa com autorização para falar sobre o assunto, o superintendente Sergio Antonio Pereira Bayum, está viajando. Ele não teve o número de celular repassado.

O ContilNet apurou que a imagem já foi encaminhada, nesta sexta-feira (11), a um dos procuradores do Ministério Público Federal (MPF), que poderá se manifestar em breve sobre a validade das regras.

Bayum é formado em Direito e teria sido indicado ao cargo pela deputada federal Mara Rocha, do PSDB.

(Foto: Divulgação)

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up