Rio Branco, Acre,


Vagner Sales pagou R$ 30 mil de fiança para ser solto e garantir permanência em casa

O ex-prefeito está proibido de mudar de residência sem que avise antecipadamente as autoridades

Após ter sido preso no último dia 11 de setembro, durante a Operação Acúleo, deflagrada pela Polícia Federal (PF) em Cruzeiro do Sul, o ex-prefeito da cidade, Vagner Sales, foi solto após pagar uma fiança de R$ 30 mil à Justiça, no mesmo dia em que foi preso.

O político foi capturado pela PF em razão dos crimes de por ilegal de arma e de animal silvestre. Os animais e a arma estava em uma propriedade sua, no interior da segunda maior cidade do Estado.

PUBLICIDADE

Para ser liberado, o emedebista pagou uma fiança no valor de R$ 30 mil reais, com a permissão do delegado Luiz Carlos da Silva Junior.

Durante o flagrante, Vagner teria sussurrado no ouvido do caseiro, que estava na propriedade, para que ele dissesse aos agentes que a arma seria de um dos seus filhos. Prontamente, a polícia prendeu os dois.

Com sua assinatura na fiança, Vagner também concorda com os termos que obrigam a sua presença na Justiça sempre que for intimado para prestar esclarecimentos sobre o caso.

O ex-prefeito está proibido de mudar de residência ou se ausentar por mais de oito dias dela sem que avise antecipadamente as autoridades competentes.

Confira o termo de fiança: 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up