15.3 C
Rio Branco
30 julho 2021 2:58 am

Mulher é resgatada após ficar perdida por duas semanas em parque

POR ÉPOCA

Uma visitante que desapareceu no Parque Nacional Zion, nos Estados Unidos, há cerca de duas semanas foi encontrada viva, segundo comunicou a família.

Holly Courtier, de 38 anos, havia sido vista pela última vez em 6 de outubro, data em que ingressou no parque.

De acordo com a administração do local, a equipe de resgate localizou a mulher no último domingo (18) após receber uma dica de um visitante que viu Courtier dentro do parque, no estado de Utah.

Até então, a única pista sobre seu paradeiro era que ela havia saído de uma van durante uma parada na área da gruta, que leva a várias trilhas de caminhada, segundo a CNN internacional.

O parque informou que está situado em uma área de 232 quilômetros quadrados com “planaltos altos, um labirinto de desfiladeiros estreitos e profundos de arenito, e o rio Virgin e seus afluentes”.

Do pico mais alto ao mais baixo há uma diferença de aproximadamente 1.500 metros.

Em comunicado, a família de Courtier agradeceu à equipe de resgate e expressou sua alegria por encontrarem a mulher viva.

“Gostaríamos de agradecer aos guardas e equipes de busca que incansavelmente procuraram por ela dia e noite e nunca perderam as esperanças. Também somos muito gratos aos inúmeros voluntários que foram generosos com seu tempo, recursos e apoio. Isso não teria sido possível sem essa rede de pessoas”.

Além do time de resgate, participaram das buscas guardas florestais de outros parques, voluntários e uma equipe do gabinete do xerife do Condado de Washington.

A filha de Courtier, Kailey Chambers, viajou para Zion para tentar encontrar sua mãe. Ela ficou preocupada depois que não tinha notícias dela por mais de uma semana. As duas conversavam quase todos os dias, segundo ela relatou à CNN.

“Este era o sonho dela, ver os parques nacionais. Ela perdeu o emprego como babá por causa da Covid-19. A família não tinha como continuar pagando. Ela viu isso como uma coisa positiva, disse que lhe deu tempo para sair, ver os parques”, disse Chambers à emissora americana.

 

(Foto de capa: Época)

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.