32.3 C
Rio Branco
26 julho, 2021 12:50 pm

Uso de drones não vai substituir a presença da PF nas ruas durante eleições no Acre

POR SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

Foi realizado na manhã desta terça-feira (27) no pátio da Polícia Federal, em Rio Branco, uma simulação de drones que estarão em operação nos 22 municípios acreanos nas eleições municipais deste ano.

De acordo com o delegado Pedro Ivo, os equipamentos não substituirão os polícias, mas têm por objetivo mostrar a importância da tecnologia em razão da pandemia do coronavírus. “Temos a pandemia, onde não podemos ter contato com os infratores, então, essa é uma forma de atendermos à recomendação sanitária”, explicou.

Ivo ressaltou que os equipamentos já existiam na sede da PF, mas o número de operadores é insuficiente. “Teremos que registrar eles para que possam operar nas eleições nos 22 municípios”, destacou.

Funcionamento dos drones

O delegado frisou que a ação dos equipamentos tende a ocorrer de forma sigilosa, para não chamar atenção dos infratores. “Vamos observar aglomerações, compra de votos, transferência de santinhos e demais irregularidades. Assim que os operadores identificar as infrações, vamos acionar a equipe para realizar as diligências”, argumentou.

A simulação de dormes ocorre em todo o país. No Acre, a ação está sendo realizada na cidade de Epitaciolândia e Cruzeiro do Sul.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.