Rio Branco, Acre,


Internada com covid-19, advogada de Flávio Bolsonaro relata dias de sofrimento

Juliana Bierrenbach usou uma rede social para pedir que as pessoas cumpram o isolamento: 'Fiquem em casa!'

Internada em um hospital no Rio com covid-19, Juliana Bierrenbach, uma das advogadas do senador Flávio Bolsonaro, fez um alerta em uma rede social para que as pessoas façam isolamento social: “FIQUEM EM CASA! Os hospitais estão lotados e passar pelo que eu estou passando é MUITO ruim”.

Juliana relatou que teve febre alta por vários dias e que, até a última terça (17), “a respiração não passava da garganta, hoje já chega ao meio do colo. Esse é o maior alívio”. Ela também disse que está melhorando e que está tomando dois antibióticos, além de corticoide e anticoagulante. A cloroquina ficou fora da lista de medicamentos da advogada.

À coluna, Juliana falou sobre as dificuldades que vem passando por causa da doença:

– Tive 39 graus de febre durante dez dias, ontem tive 38 e hoje não tive febre. É muito difícil passar por isso, mas graças a Deus vou conseguir me recuperar. Os momentos de febre são muito difíceis e você fica lembrando toda hora das pessoas que estavam bem, pioraram e morreram. É uma grande reflexão sobre a vida, sobre seus os propósitos. [Capa: Reprodução]

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up