18.3 C
Rio Branco
15 junho, 2021 7:32 am

Movimento antivacina é “coisa de retardado”, diz esposa de Eduardo Bolsonaro

POR IG

Nesta terça-feira (24), Heloísa Bolsonaro , esposa do deputado federal Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) , criticou o movimento antivacina. A declaração foi dada após um seguidor perguntar se a filha recém-nascida de Heloísa e Eduardo toma vacinas. As informações foram dadas pelo UOL .

“Oi Geórgia toma/tomou vacinas? O que acha do movimento antivacina ?”, perguntou um seguidor a Heloísa Bolsonaro no Instagram.

Heloísa respondeu que “Geórgia toma e tomará todas as vacinas para cada fase. Não sabia que existia um movimento antivacina, mas agora sabendo, só pode ser coisa de retardado ”.

“Depois, quando o filho tiver uma doença, quero ver ele agradecer aos pais por terem poupado ele da dor do ‘pic’. Pqp, né? Por essas e outras a gente vê a volta de doenças antes erradicadas”, complementou.

Continua após a publicidade

Eduardo Bolsonaro , marido de Heloísa, e  Jair Bolsonaro defendem que a vacina contra o novo coronavírus (Sars-Cov-2) não deve ser obrigatória.

 

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.