Rio Branco, Acre,


Bocalom diz que AC vai demorar para imunizar em massa e que não quer ‘tumulto’ em postos

O prefeito aproveitou a oportunidade para pedir que a população não faça aglomerações na porta das unidades

O prefeito Tião Bocalom (Progressistas) declarou em coletiva de imprensa nesta segunda-feira (18), que a vacinação contra a Covid-19 para toda a população do Acre pode demorar quase um ano.

Segundo o gestor, o motivo para a demora é a falta do imunizantes no mercado. “Essa vacina, infelizmente, vai demorar quase um ano para poder chegar todos. Como não há no Brasil e nem no restante do mundo reserva suficiente, vai começar pegando os grupos de riscos maiores”, informou.

O prefeito aproveitou a oportunidade para pedir que a população não faça aglomerações na porta das unidades de saúde do município. “Só temos vacina, por enquanto, para os grupos definidos, inicialmente, pelo Ministério da Saúde. Não adianta fazer filas nas portas das unidades de saúde. É bom que se entenda isso”, argumentou.

Vacinação deve iniciar em Rio Branco nesta quarta-feira (20). Os imunizantes já chagam ao Acre nesta segunda (18), de acordo com o governador Gladson Cameli.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up