25 C
Rio Branco
10 abril, 2021 10:20 am

Em Miss, influencer grávida de 9 meses é presa por simular sequestro

POR G1

A ex-miss e digital influencer Lauren Adana foi presa nesta segunda-feira (11), em Santana de Parnaíba (SP), por extorquir dinheiro da mãe ao forjar o próprio sequestro em 2010, em Renascença, no sudoeste do Paraná, segundo o Tribunal de Justiça do Paraná (TJ-PR).

Conforme a Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo (SSP-SP), o mandado de prisão foi cumprido na casa da condenada. A ex-miss Renascença e Paraná World Popularidade, de 2012/2013, está grávida e é modelo.

O Tribunal de Justiça do Paraná informou que o motivo da prisão é a condenação definitiva à pena de seis anos de reclusão, que será cumprida em regime aberto e sem monitoramento eletrônico.

G1 aguarda retorno do advogado de Lauren.

Após a prisão da digital influencer, uma das redes sociais dela foi fechada. O conteúdo da modelo está disponível apenas para os mais de 100 mil seguidores dela.

Lauren Adana foi Miss Renascença e Miss Paraná World 2012/2013 — Foto: Divulgação

Lauren Adana foi Miss Renascença e Miss Paraná World 2012/2013 — Foto: Divulgação

Falso sequestro

 

Conforme a sentença, Lauren Adana armou o próprio sequestro com a ajuda de dois amigos e do namorado da época, em 18 de abril de 2010.

De acordo com o processo, Lauren foi para a casa de uma amiga para fingir que tinha sido sequestrada. Essa amiga ligou para a mãe da modelo pedindo R$ 1 mil, depois, namorado exigiu R$ 100 mil para liberar a falsa refém.

Após receber os telefonemas, a mãe de Lauren, Vanessa Dallagnol Bassani, chamou a Polícia Civil.

Miss Renascença, Lauren Adana, é natural de Pato Branco — Foto: Divulgação

Miss Renascença, Lauren Adana, é natural de Pato Branco — Foto: Divulgação

Durante as negociações, o namorado da modelo disse para Vanessa tirar a polícia do caso ou mataria a filha dela, conforme o processo.

Segundo o documento, devido à proporção do caso, os envolvidos ficaram com medo de serem descobertos e abortaram o plano.

Com isso, Lauren saiu do apartamento da amiga dela e ligou para a mãe de um orelhão, pedindo que a buscasse.

Os demais envolvidos também foram condenados pelo crime, conforme o TJ-PR. A amiga de Lauren cumpre a pena por extorquir dinheiro em regime semiaberto. O amigo está sendo procurado, e o ex-namorado morreu.