25 C
Rio Branco
10 abril, 2021 8:52 pm

Energisa lamenta morte de mulher por descarga elétrica no Juruá e alerta para cuidados

POR REDAÇÃO CONTILNET

Maria das Graças Marques, de 32 anos, na tarde de segunda-feira (11), enquanto puxava água do Rio Juruá com um mergulhão. A mulher escorregou, caiu em cima do fio da bomba e recebeu uma descarga elétrica. 

Em nota divulgada nesta terça-feira (12), a Energisa lamentou o acidente e explicou que o fornecimento de energia no local não havia sido interrompido pois a casa não foi atingida pela cheia do Rio Juruá.

A companhia de eletricidade reforçou a necessidade de ter cuidados redobrados durante o período de cheia dos rios no Acre.

Confira nota na íntegra:

A Energisa Acre lamenta o acidente em decorrência de choque elétrico que ocorreu no bairro do Miritizal, em Cruzeiro do Sul, nesta segunda-feira, (11.12). O fornecimento de energia na residência onde ocorreu o acidente não estava interrompido pois o local não tinha sido atingido pela cheia do rio Juruá.

A Distribuidora reforça sobre os cuidados que a população deve ter para evitar acidentes com a energia elétrica durante o período de chuvas, como por exemplo, não manusear bomba d’agua e ficar distante dos cabos e fios elétricos.

Em caso de chuva, fique longe de árvores, evite ficar próximo de estruturas altas com torres de telefone ou de energia elétrica e jamais se aproxime de fio partidos ou caídos, nem toque em pessoas ou objetos que estejam em contato com a rede elétrica.

Vale ressaltar que aparelhos elétricos só devem instalados ou reparados por técnico habilitado é capacitado, não podendo ser manuseados sem os equipamentos de segurança. Nunca devemos tentar reparar equipamentos elétricos estando molhando, dentro de água e ligados à rede de eletrica. A combinação água e eletricidade é a responsável por graves e, em boa parte das vezes, por acidentes fatais.

Em caso de qualquer situação de risco, os clientes devem entrar em contato com a Distribuidora, por meio do telefone 0800-647-7196 (funciona 24h) ou pela Gisa através do Whatsapp 68-99233-0341 que funciona de segunda a sexta-feira das 7h30 às 16h.