Rio Branco, Acre,


Dois diretores do Into são presos em flagrante e podem pegar até 4 anos de prisão

Batalhão Ambiental flagrou descarte ilegal de produtos hospitalares na unidade

Dois diretores do Hospital de Campanha para Covid-19 em Rio Branco, foram presos em flagrante  na tarde desta quinta-feira (11) por crime ambiental.

Em entrevista à Rede Amazônica na manhã desta sexta-feira (12), o  comandante do Batalhão Ambiental, major Kleison Oliveira de Albuquerque, disse que recebeu a denúncia do Ministério Público de que a direção estava descartando material hospitalar de forma imprópria a céu aberto.

Esta foi a terceira denúncia recebida e conforme o major, as duas primeiras não foram confirmadas, mas nesta terceira houve o flagrante.

Eles foram enquadrados na lei 9.605, artigo 56, que penaliza, além de multa, em prisão de um a quatro anos

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up