Rio Branco, Acre,


Mãe, que fugiu com genro logo depois da filha dar à luz, se justifica: “essas coisas acontecem”

Já Ryan Shelton disse que não se importa com que as pessoas pensam sobre seu relacionamento com a ex-sogra

O romance entre Georgina Aldridge, 44, e seu ex-genro Ryan Shelton, 29, gerou uma série de críticas ao casal, principalmente porque os dois foram morar juntos logo após a filha de Georgina, Jess Aldridge, dar à luz.

Após a repercursão negativa de seu relacionamento, a avó do pequeno Reuben se defendeu e disse ao The Sun que esse tipo de coisa pode acontecer.

Na última quarta-feira (17/2), Ryan também se manifestou: “Não me importo com o que todos pensam, estou apaixonado por Georgina e não me importo com quem sabe disso”, ele desabafou.

“As opiniões de outras pessoas não me incomodam em nada. Eu sei o que aconteceu. Cada história tem dois lados e eu sei a verdade por trás de tudo isso. Nem todo mundo vai gostar do que aconteceu, mas não é da conta deles. Há mais nesta história do que você pensa, mas é tudo o que quero dizer”, afirmou Ryan ao Daily Mail.

Mas o comportamento do casal gerou choque e indignação na família e nos amigos. “Em uma postagem agora excluída, um membro da família enfureceu-se com Georgina: “Ficar com o namorado da sua filha é um rancor que muitas pessoas guardariam para sempre”.

“Não podemos acreditar que Georgina abandonou o marido e foi embora com alguém 15 anos mais jovem que ela”, afirmou outra pessoa.

Por enquanto, o casal está morando na casa da irmã de Georgina, Charlie Floyd. Um vizinho disse ao The Sun que Georgina e Ryan têm dormido no sofá nas últimas semanas.

Aparentemente, eles encontraram um novo lugar para alugar, mas não estará pronto até o final do mês, então eles moraram com sua irmã.

Jess ficou chocada com a traição da mãe e do namorado (Foto: Reprodução: Daily Mail/ Facebook )

ENTENDA A HISTÓRIA

Quando Jess Aldridge retornou do hospital com seu filho, o pequeno Reuben, nos braços, ela teve que lidar com a difícil notícia de que seu namorado e pai de seu bebê, Ryan Shelton, 29, tinha ido morar com a mãe dela, Georgina.

Jess foi morar com a mãe para receber apoio durante a gravidez. No entanto, poucas semanas depois, Georgina, 44, começou a flertar com Ryan. Após o nascimento do bebê, o recente casal logo se mudou para outra casa.

Ao confrontar Georgina sobre o relacionamento, Jess recebeu como resposta que a mãe e o namorado tinham se apaixonado.

“É uma traição. Você espera que uma nova avó se apaixone pelo bebê – não pelo pai”, disse Jess ao The Sun. “Ela deveria ser uma avó para meus dois filhos e me ajudar a cuidar deles, mas em vez disso, ela está com meu namorado. Estou com o coração partido e perdi tudo, minha mãe e o pai para meus filhos”.

Jess e Ryan estavam juntos por três anos (Reprodução: The Sun)

Jess deu à luz após uma cesárea no dia 28 de janeiro. Sua irmã, Carolena, ficou cuidando de Georgiana, sua filha mais velha, enquanto ela estava no hospital com a mãe.

No entanto, horas depois, Ryan terminou com a namorado por mensagem de texto, alegando que estava cansado de ela o acusar de ter um caso. Ele tinha visto Reuben por alguns minutos depois que ele nasceu e só o viu novamente no outro dia.

O que Jess não sabia era que o namorado estava se mudando com a ex-sogra para uma nova casa em outro condado. “Eles estavam com tanta pressa. Minha mãe estava esperando por ele com o carro arrumado no estacionamento”.

No dia 30 de janeiro, Jess teve alta e soube da mudança do namorado e da mãe. No início, Ryan tentou negar que estava acontecendo algo entre ele e a ex-sogra, mas depois o casal admitiu que estava junto.

“Eles finalmente admitiram que ficaram juntos alguns dias depois que saí do hospital. Foi um chute na cara, eles tinham planejado isso durante toda a minha gravidez.”.

 

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up