Rio Branco, Acre,


Senamadureirense encontra ossada de animal de grande porte nas margens do Rio Macauã

Sua irmã, a jornalista Wania Pinheiro, decidiu levar todo o material para ser estudado pela Ufac

O senamadureirense José Carlos Pinheiro, mais conhecido como Zé Bode, encontrou nas margens do Rio Macauã uma ossada de animal de grandes proporções.

Com medidas maiores que as da palma de uma mão, os restos são de um ser vivo ainda não identificado, de acordo com ele.

Tudo indica que os achados são partes da coluna vertebral do animal que provavelmente habitava as águas caudalosas do afluente.

A irmã de José, a jornalista Wania Pinheiro, decidiu levar todo o material para ser estudado pela Universidade Federal do Acre (Ufac).

Confira a entrevista com Zé Bode:

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste portal. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.

Comentários

comentários


Recomendado para você

Últimas Notícias

Scroll Up