29 C
Rio Branco
10 maio, 2021 2:30 pm

Bocalom volta a defender remédios sem eficácia após ser suspenso do Facebook 

POR SAIMO MARTINS, DO CONTILNET

O prefeito Tião Bocalom (Progressistas) usou as redes sociais neste sábado (27) para comemorar o retorno ao Facebook, após ter sido bloqueado por divulgar tratamento precoce sem eficácia contra a Covid-19.

Porém, mesmo com o gancho de dois dias, o gestor voltou a defender o uso dos medicamentos na capital, tendo como base “evidências médicas”, mesmo sem apresentá-las.

Bocalom citou que muitas prefeituras pelo Brasil estão iniciando o protocolo de tratamento precoce contra a Covid-19.

“O objetivo é diminuir a letalidade e a complexidade dos casos e evitar internações. Quando não se tem comprovação científica e nenhum medicamento indicado cientificamente, as evidências médicas precisam ser respeitadas. Não se discute com as evidências!”, escreveu.

Tião contou que em relação a polêmica do uso de medicamentos (ivermectina e azitromicina), o tempo se encarregará dos possíveis resultados ou fracassos. “O tempo dirá quem estava certo Enquanto a vacina não chega, vamos cuidar da forma como cada um imagina!”, ressaltou.