22.3 C
Rio Branco
22 junho, 2021 6:58 pm

‘Coala’ é preso em Rio Branco acusado de decapitar jovem que trocou de facção

POR ITHAMAR SOUZA, PARA CONTILNET

O jovem Wallisson Campos de Almeida, de 18 anos, vulgo Coala, foi preso nesta quarta-feira (3) acusado de matar Samuel Conceição da Silva. O crime aconteceu na noite de terça-feira (2), em uma área de mata na Travessa Divina Luz, no Ramal da Zezé, no bairro Belo Jardim II, em Rio Branco.

RelembreJovem que trocou B13 por CV é torturado, decapitado e encontrado em mata

Policiais Civis da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) realizaram a prisão de Coala ainda em flagrante. Coala confessou à polícia ter matado o Samuel e falou também que teve a ajuda de dois comparsas.

Segundo informações da polícia, o jovem Samuel Conceição da Silva, de 18 anos, foi sequestrado na casa da mãe, julgado pelo tribunal do crime, amarrado, torturado e em seguida foi decapitado na noite de terça-feira (2). O corpo só foi encontrado na manhã desta quarta-feira (3), em uma área de mata próximo ao Campo de Futebol do Pelé.

À polícia, Walisson confirmou que a motivação do crime seria que Samuel saiu da facção Bonde dos 13 e havia entrado para o Comando Vermelho. Outra informação obtida pela polícia é que Samuel também estava saindo do Comando Vermelho para entrar em uma igreja evangélica, mesmo assim, foi julgado pelo Tribunal do Crime Organizado e condenado a morte por “traição”.

Diante dos fatos e da confissão, Wallison foi preso e encaminhado para a Delegacia de Flagrantes, para a tomada das medidas cabíveis.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.