30 C
Rio Branco
6 maio, 2021 2:53 pm

Dupla do CV é presa acusada de matar boliviano na portaria de hotel no interior do Acre

POR ITHAMAR SOUZA, PARA CONTILNET

L. F. F., de 24 anos, vulgo Zé Pilintra, e O. O. P., de 33, que seriam membros da facção Comando Vermelho, foram presos acusados de terem matado o boliviano monitorado por tornozeleira eletrônica, identificado como Ângelo Montero Garcia, de 33 anos.

O monitorado foi morto com seis tiros na noite desta quarta-feira (28), na porta de um hotel na rua Generalíssimo Deodoro, no Centro do município de Tarauacá, no interior do Acre. A prisão dos bandidos aconteceu na manhã desta quinta-feira (29).

Segundo informações da polícia, após o crime, as guarnições do 7° Batalhão se empenharam ao máximo para tentar prender a dupla que aparece em um vídeo executando o Boliviano ainda em flagrante. As diligências se concentraram no bairro Luiz Madeiro, na rua Enoque Gomes Coelho e na rua 01. Após receber várias denúncias anônimas, os militares conseguiram êxito em prender a dupla, que acabaram confessando o crime.

Zé Pilintra assumiu ter matado Ângelo com 6 tiros e disse também que a ordem para execução partiu por membros da facção em represália pela morte do traficante identificado como Neto, dento do Presídio Moacir Prado. Na delegacia, Pilintra disse que não poderia revelar o nome do mandante, ou também seria morto. Em revista dentro da residência de Pilintra foi encontrada a roupa e o boné utilizados pelo bandido.

O caso agora segue sendo investigado pela Polícia Civil de Tarauacá