25 C
Rio Branco
15 maio, 2021 9:56 am

Golpe com falso Auxílio Emergencial atinge milhares de brasileiros; entenda perigo

Um dos aplicativos falsos já foi baixado mais de 500 mil vezes; saiba se proteger

POR TECHTUDO

Uma série de aplicativos falsos que usam o Auxílio Emergencial 2021 como isca foram flagrados pela Kaspersky na Play Store, loja oficial de apps do Google. Segundo relatório divulgado pela companhia nesta terça-feira (20), os aplicativos falsos se tratam de adwares e, apesar de não serem malwares ou vírus, exibem publicidades de maneira bastante abusiva e podem se tornar maliciosos no futuro.

O comportamento das ameaças identificadas pela Kaspersky é bastante semelhante: segundo a companhia, os apps falsos exibem muita propaganda e de maneira bastante intrusiva. Além disso, para incentivar que os usuários continuem abrindo o aplicativo, os programas disparam notificações para o celular em curtos períodos de tempo, com o intuito de chamar sua atenção.

Segundo a Kaspersky, alguns dos aplicativos chegavam a solicitar ao usuário o número do PIS, código de identificação que pode ser consultado na Carteira de Trabalho, extrato do FGTS ou no Cartão Cidadão. Fabio Assolini, analista sênior de segurança da Kaspersky, alerta que apesar dos programas não solicitarem informações pessoais agora, eles podem se tornar maliciosos no futuro. Assolini ressalta que é possível que os desenvolvedores dos apps falsos enviem atualizações para os aplicativos e, desta forma, utilizem mecanismos de phishing para roubar dados pessoais de usuários.

Apps falsos do Auxílio Emergencial 2021 já foram baixados milhares de vezes na Play Store  — Foto: Reprodução/Kaspersky

Apps falsos do Auxílio Emergencial 2021 já foram baixados milhares de vezes na Play Store — Foto: Reprodução/Kaspersky

Na Play Store, alguns dos aplicativos não oficiais do Auxílio Emergencial 2021 possuem mais de 500 mil downloads. Vale lembrar que, no ano passado, o benefício de R$ 600 do governo também foi alvo de golpes e apps falsos, e fez mais de 7 milhões de vítimas.