32 C
Rio Branco
16 abril, 2021 3:08 pm

Jogo do Grêmio na Libertadores é adiado por conta dos casos de Covid-19

Partida estava marcada para essa quinta-feira, em Quito

POR IG

A Conmebol informou, nesta terça-feira, que reagendou a partida entre Grêmio e Independiente del Valle, inicialmente marcada para esta quarta, para a próxima sexta-feira, no dia 9 de abril.

Além disso, o local mudou de Quito, no Equador, para o Defensores del Chaco, em Assunção, no Paraguai. A bola rola às 19h15 (de Brasília), pela Libertadores.

A delegação gremista viajará de Quito para Assunção, em horário e data ainda a serem divulgados.

A decisão acontece após o Grêmio anunciar que mais dois atletas testaram positivo para a Covid-19: o goleiro Paulo Victor e o lateral-direito Vanderson. Devido a isso, autoridades equatorianas não permitiram a realização da partida no país.

De acordo com o clube, o Grêmio “está tomando todas as medidas para viabilizar o retorno dos atletas isolados em voo fretado e dentro dos protocolos”.

— Todos os integrantes do clube são testados em método PCR, diariamente ou a cada dois dias. Aqui em Quito os dois atletas positivos não apresentaram sintoma algum — informou o médico Márcio Dornelles.

Ao todo, são cinco casos de Covid-19 no Grêmio. Além dos três atletas citados, o zagueiro Paulo Miranda, o preparador físico Réverson Pimentel, e o técnico Renato Portaluppi testaram positivo para o vírus na última segunda-feira.

Confira a nota

“O Grêmio informa que a Conmebol reagendou a partida desta quarta-feira, contra o Independiente del Valle, para a próxima sexta-feira, 09 de abril, em Assunção, no Paraguai, às 19h15 de Brasília (18h15 local). A delegação viaja de Quito para Assunção, em horário e data ainda a serem divulgados.”