17 C
Rio Branco
7 maio, 2021 11:57 am

Morre o médico e músico acreano Tufic Saadi aos 77 anos, vítima da Covid-19

Vítima de Covid, ele morreu em Belém, onde estava sendo medicado depois de contrair o vírus em Brasileia

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

O médico Tufic Mizael Saadi Sobrinho, membro de uma tradicional família de Brasileia e da fronteira com a Bolívia e o Peru, morreu, na madrugada desta terça-feira (13), em Belém (PA), aos 77 anos, vítima de Covid-19. Músico e cantor, integrou o conjunto “Os Bárbaros”, ao lado de irmãos, primos e amigos num grupo musical que fez sucesso na região até os anos 70.

Tufric, conhecido como Tufizinho, morreu depois de contrair a doença em Brasileia e ser levado para Belém para ser cuidado na Capital paraense pelo filho Igor, que também é médico. Seu irmão Edu, também médico e músico, morreu no ano passado, em Manaus (AM), dois meses depois de ter contraído a doença.

“O Edu havia ido visitar uma filha e lá em Manaus morreu, por complicações decorrentes da doença. Agora, foi o primo Tufizinho. Nossa família está sofrendo muito”, disse, com exclusividade ao ContilNet, o médico Armando Salvatierra, acreano que vive com a família em Curitiba (PR) faz 23 anos.

Tufizinho contraiu a doença ainda em Brasileia, onde vivia com a família. O filho Igor, médico em Belém, mandou-o o buscar em avião especial. Medicado em Belém, ele chegou a apresentar alguma melhora mas, um mês depois lutando contra a doença, veio a falecer.

Confira a nota do Conselho de Medicina: