30 C
Rio Branco
6 maio, 2021 3:03 pm

MP identifica esquema de “fura-filas” em Pauini e Boca do Acre

O pedido acontece após o MP identificar que o esquema estava acontecendo desde 08 de abril em Boca do Acre, e desde o dia 10 de abril em Pauini

POR BRASIL NORTE COMUNICAÇÃO

O Ministério Público do Amazonas (MP-AM), por meio da promotoria de Justiça de Boca do Acre e Pauini, solicitou a suspenção da vacinação contra a covid-19, em pessoas com idade abaixo de 60 anos, sem comorbidade.

O pedido acontece após o MP identificar que um esquema de “fura-filas” estava acontecendo desde 08 de abril em Boca do Acre, e desde o dia 10 de abril em Pauini.

Em reunião com as coordenadoras do Plano Nacional de Imunizações (PNI) de Boca do Acre e de Pauini, a promotora de Justiça, Miriam Figueiredo da Silveira, solicitou a interrupção imediata da vacinação de pessoas entre 55 e 59 anos sem comorbidade, permitidas as com comorbidade dentro dessa faixa etária.

As pessoas que já receberam a primeira dose (D1) receberão a dose 2 (D2), para que não haja perda da imunização.

Orientados, os municípios farão pedido à FVS e CIB-AM para vacinação das pessoas com comorbidade a partir de 18 anos, conforme grupo previsto no PNI. Tal grupo deverá aguardar novos comunicados, pois dependerá de autorização.

Leia mais em Brasil Norte Comunicação, clicando AQUI.