27 C
Rio Branco
8 maio, 2021 4:06 pm

Pediatra questionou mãe de Henry sobre causa da morte

Mensagens recuperadas pela polícia mostram que a médica pediu à Monique acesso ao conteúdo do laudo de necropsia e afirmou que o menino “era saudável”

POR CNN BRASIL

Um diálogo recuperado pela Polícia Civil do Rio de Janeiro no celular de Monique Medeiros, mãe do menino Henry Borel, mostra que uma prima pediatra a procurou para tentar entender como a criança morreu.

Nas mensagens, a médica fala “queria saber pois ele era tão bem cuidado. Eu não consigo imaginar o que pode ter acontecido.”

A pediatra é a mesma com quem Monique Medeiros trocou mensagens no dia 18 de fevereiro, seis dias após um suposto episódio de agressão do vereador Jairo Souza Santos Júnior (sem partido), o Dr. Jairinho, a Henry.

Na data, Monique relatou à prima: “Henry está com medo excessivo de tudo, tem um medo intenso de perder os avós, está tendo um sofrimento significativo e prejuízos importantes nas relações sociais, influenciando no rendimento escolar e na dinâmica familiar. Disse até que queria que eu fosse pro céu pra morar com meus pais em Bangu. Quando vê o Jairinho ele chega a vomitar e tremer.”

Leia mais em CNN Brasil, clicando AQUI.