26 C
Rio Branco
21 abril, 2021 11:54 am

Saiba tudo sobre o segundo jogo das finais da Superliga feminina de vôlei

POR GLOBO ESPORTE

O Minas chegou às finais da Superliga feminina de vôlei com 21 vitórias seguidas, sem perder havia quatro meses e com 100% de aproveitamento diante do Praia Clube, adversário da decisão, na temporada atual. Pois perdeu o Jogo 1 por 3 sets a 1, numa partida em que o time de Uberlândia teve amplo domínio principalmente nos dois primeiros sets. Neste sábado, as duas equipes voltam a se enfrentar na bolha de Saquarema.

Ao Minas, só resta vencer para forçar o Jogo 3, segunda-feira, e seguir na disputa pelo tricampeonato. O Praia, repetindo logo mais a vitória de quinta-feira, fatura o bicampeonato. O SporTV 2 transmite o jogo neste sábado, às 21h.

Um Praia dominante nos dois primeiros sets – especialmente na segunda parcial, que o time de Uberlândia venceu por fáceis 25/12, sem ceder um ponto sequer em erro para o Minas. Ainda no começo do jogo, com 7/4 no primeiro set, o Praia perdeu a meio de rede Jineiry Martínez. Ao descer de um bloqueio, ela pisou no pé da irmã Brayelin, e sofreu uma entorse no tornozelo.

Entrou em cena a campeã olímpica Walewska, 41 anos. A recepção ruim do Minas – algo raro nesta Superliga – impediu Macris de abusar de seu repertório de bolas rápidas principalmente com as centrais Thaisa e Carol Gattaz. A bicampeão olímpica só foi marcar seu primeiro ponto de ataque no segundo set.

O Minas reagiu na terceira parcial, com o passe mais equilibrado. Liderou a parcial e manteve o domínio no quarto set (abriu 6/1). Só que as falhas na recepção voltaram a aparecer – diante de um saque agressivo do Praia. A equipe de Uberlândia virou o placar no set e garantiu a vitória no Jogo 1. Brayelin foi a maior pontuadora: 22 (20 de ataque e 2 de bloqueio). Com entorse, Jineiry não deve jogar.

Leia mais em GE, clique AQUI!