20.3 C
Rio Branco
21 junho, 2021 12:07 pm

Dia de Enfrentamento a LGBTIfobia: acreanos aderem a movimento com participação de famosos

Dia 17 de Maio é data da Live LGBTI Vive 2.0; evento contará com personalidades de todo o país

POR TON LINDOSO, DO CONTILNET

Dados do Observatório de Mortes Violentas dão conta que, em 2020, o Acre figurou no TOP 5 da Região Norte em se tratando de Mortes de LGBTI+. Com densidade de 1,36 por milhão de habitantes, o estado está à frente de Rondônia e Pará, se considerados os indicadores de densidade.

Para enfrentar a discriminação e levar uma mensagem de conscientização à sociedade, a Live LGBTI+ Vive terá segunda edição. O evento conta com uma vasta programação, que você pode conferir nas imagens a seguir.

“O Dia Mundial de Enfrentamento a LGBTIfobia é um momento para chamar atenção da discriminação e dar visibilidade as iniciativas bem-sucedidas. Para isso, faremos a Live LGBTI Vive 2.0, para marcar o Dia Mundial de Enfrentamento a LGBTIfobia”, anunciou a Aliança LGBTI.

No Acre, o Fórum de Ongs LGBT do Acre presta total apoio e adesão ao movimento. O presidente Germano Marino conversou com nossa equipe e disse que a programação terá o apoio da entidade acreana. “Nossas ações estarão concentradas nesse evento nacional”, explica Germano.

A live contará com a presença de ativistas de todo o Brasil, parlamentares, personalidades e atrações artísticas, numa pegada intimista pela data e em razão da Pandemia, que tem causado tantas dores nos lares brasileiros.

A Live LGBTI+ Vive é um esforço conjunto de diversas entidades nacionais, internacionais e locais que atuam contra a discriminação e pela cidadania LGBTI+. A transmissão será via Facebook e Youtube: Aliança Nacional LGBTI+, União Nacional LGBT, Rede Gay do Brasil, Grupo Arco-Íris de Cidadania LGBT, Associação da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo, Grupo Dignidade de Curitiba, Grupo Gay da Bahia, Grupo Resistência Asa Branca do Ceará, Mães Pela Diversidade, ABRAFH, e outras entidades e parcerias.

Confira a programação:

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.