22.3 C
Rio Branco
13 junho, 2021 2:51 am

Ex-procurador Anti-Corrupção do Peru, procurado pela Interpol, é preso no AC

Ele foi localizado exercendo atividade comercial em um dos bairros da capital

POR ASCOM

A Polícia Federal prendeu, na tarde dessa terça-feira (11), em Rio Branco, um cidadão peruano de 62 anos, que se encontrava na lista da Difusão Vermelha da Interpol.

Segundo as autoridades peruanas, em 4 de novembro, em Puccallpa no Peru, o então Procurador Anti-Corrupção teria solicitado pagamento de propina a uma investigada com a finalidade de, omitindo suas funções como Procurador Anti-Corrupção, deixar de promover investigações contra ela. O fugitivo procurado foi condenado pela justiça peruana em 2018 pelo crime de corrupção passiva própria.

Desde então estava foragido no Brasil, tendo sido um de seus paradeiros o estado de Goiás.
O Pedido de Prisão Preventiva para fins de Extradição foi formulado pelo Escritório Central Nacional da Interpol em Brasília/DF com base nas informações da Difusão Vermelha incluídas pelas autoridades peruanas.

A localização e prisão do estrangeiro foi realizada pelos policiais federais lotados no Setor de Inteligência da Polícia Federal no Acre. Ele foi localizado exercendo atividade comercial em um dos bairros da capital – Rio Branco/AC.

O Mandado de Prisão Preventiva para fins de Extradição, expedido pelo Supremo Tribunal Federal, foi devidamente cumprido e, após as formalidades de praxe, o extraditando será encaminhado ao sistema prisional acreano até a saída compulsória definitiva para o Peru.