24.3 C
Rio Branco
17 janeiro 2022 2:16 am

Internado, bebê ferido em ataque a creche de SC não corre risco de morte

Criança de 1 ano e 8 meses foi a única sobrevivente do ataque que deixou cinco pessoas mortas. Ela segue internada sem intercorrências no Hospital da Criança de Chapecó

POR G1 SC

Última atualização em 07/05/2021 13:08

O bebê de 1 ano e 8 meses que ficou ferido durante o ataque a creche em Saudades, no Oeste catarinense, está se recuperando, mas continua hospitalizado. De acordo com o boletim médico da manhã desta sexta-feira (7), o menino segue internado na enfermaria no Hospital da Criança de Chapecó sem previsão de alta.

A criança, que passou por uma cirurgia e chegou a ficar na Unidade de Terapia Intensiva (UTI), teve ferimentos na bochecha, lábios, barriga e uma perfuração em um dos pulmões. Os cortes foram provocados por golpes de facão. Ela foi a única ferida sobrevivente do atentado que deixou cinco pessoas mortas na terça-feira (4).

“Ele está no quarto e agora é o processo de recuperação, vai levar alguns dias. Mas assim, graças a Deus, está correndo tudo bem. Temos que agradecer a todo o pessoal que está orando, que continue orando. Também peço que continuem e orem pelas famílias que perderam seus filhos, porque o meu se salvou, mas isso é muito difícil para as famílias também que perderam os deles, tanto os pais, as professoras, coleguinhas dele. É uma coisa assim, não tem palavras”, disse Diego Hübler , que é pai do bebê após a alta da UTI na quinta-feira (6).

O autor do atentado à escola infantil Pró-Infância Aquarela, de 18 anos, também está internado no mesmo hospital. De acordo com a unidade de saúde, ele passou por uma cirurgia e se recupera na UTI. O estado de saúde é considerado estável.

Após o ataque, o homem desferiu golpes contra o próprio corpo e foi encaminhado em estado gravíssimo ao Hospital em Pinhalzinho e depois ele foi transferido para a cidade vizinha. A Polícia Civil aguarda a recuperação do jovem fazer o interrogatório com o objetivo de descobrir a motivação do crime.

Leia mais em G1, clicando AQUI.

 

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.
Facebook Notice for EU! You need to login to view and post FB Comments!