23.3 C
Rio Branco
18 junho, 2021 9:21 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

MS volta nesta sexta-feira a vacinar por idade a partir dos 55 anos

POR LÚCIO BORGES - CORRESPONDENTE EM MS

CAMPO GRANDE (MS) – O titular da SES (Secretária Estadual de Saúde do Mato Grosso do Sul), Geraldo Resende, comemorou a aprovação da proposta de MS, junto a Comissão Intergestores Tripartite (CIT), como o  ContilNet noticiou a pouco. E assim, o secretário anunciou no fim da tarde desta quinta-feira (27), que deverá retomar no Estado, já nesta sexta-feira (28), a vacinação por idade e a partir dos 55 anos.

Em geral, a SES havia paralisado, na maioria dos municípios, a faixa etária nos 60/59 anos, a qual se enquadrava como idosos do grupo prioritário. A partir de então, se interrompeu para pessoas abaixo desta idade, com exceção em dois ou três municípios, como Campo Grande, que chegou vacinar entre 57/58 anos, mas também interrompeu tempos depois.

O secretário fez um comunicado durante uma Audiência Pública na Assembleia Legislativa de MS, onde que o Estado poderá começar (até porque oficialmente não houve) a imunização por faixa etária a partir de amanhã, onde será reiniciado o grupo de idades, com pessoas acima dos 55 anos ou no caso pela pirâmide invertida entre 59 a 55 anos. Geraldo disse que amanhã (28), os municípios estão autorizados a iniciar o procedimento de ‘mudança’.

“A proposta defendida pelo nosso Estado, junto com algumas outras unidades da federação passou, conseguimos que fosse a vencedora a pouco, na Comissão Intergestores Tripartite (CIT) – que reúne representantes do Ministério da Saúde, Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS) e do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (CONASEMS). Assim, a partir de amanhã nós vamos democratizar o acesso as vacinas em todo o país. Os Estados poderão fazer o acompanhamento da vacinação por faixa etária. Será mantido o Plano Nacional de Imunização (PNI), mas também agora podemos dar início a vacinação por idade. Descendo até chegar ao limitador da aplicação, que são as pessoas com 18 anos”, falou o secretário aos deputados na Audiência.

Por idades atende diversas demanda de categorias 

Resende lembrou e ressaltou que com a decisão vai atender a diversas demandas para inclusão em grupos prioritários e aumentar ou agilizar mais a chegada a diversas ou todas as camadas da sociedade.

“Isso democratiza a vacina, todos vão ser tratados iguais. Tira uma carga dos secretários e passa atender a demanda de cada entidade. Fazendo com que a imunização do Estado avance ainda mais”, avaliou o secretário na AP.

A audiência publica foi remota da Assembleia Legislativa, e era para prestação de contas da SES e foi proposta pela Comissão de Saúde do Parlamento.

Estratégia e ou estrutura para nova etapa

O secretário Geraldo Resende ratificou a conquista da qual teria sido um dos protagonistas e falou tmabém de como ficará ou a forma como pretende fazer a imunização da população. Ou seja, ele explicou o que seria uma estratégia e ou estrutura para nova etapa.

“Estou muito contente com essa conquista ! (a aprovação no CIT). Foi uma vitória de todos, agora vamos poder acelerar a imunização e atender a população em geral. Contudo, ainda há os grupos prioritários, que fique bem claro. Mas, a partir de amanhã, vamos fazer a separação da quantidade de imunizantes para os grupos. Viso ter 70% das doses para entregar para a imunização por idades e os outros 30% para os grupos prioritários”, explicou.

Geraldo ratifica que nesta sexta-feira (28), os municípios estarão autorizados para dar inicio a vacinação neste novo grupo. “As doses que chegaram durante a semana podem ajudar a começar essa nova etapa. Dessa forma vamos avançar cada vez mais rápido para vencer a doença”, finalizou.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.