30.3 C
Rio Branco
23 junho, 2021 4:30 pm

Vereador de Rio Branco alvo de operação da PF por compra de votos é Raimundo Neném

Parlamentar é acusado de compra de votos na campanha de 2020 e está sob investigação por ordem da Justiça Eleitoral

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

O vereador de Rio Branco abordado pela Polícia Federal em casa na manhã desta quinta-feira (20) é Raimundo Neném, eleito pelo PSB. Ele está sendo interrogado na “Operação Sine Vox” (“Sem Voz”, na tradução do latim) acusado de compra de voto.

Em coletiva de imprensa na sede da Superintendência da Polícia Federal, em Rio Branco, os delegados que comandaram a operação, que envolveu pelo menos 26 agentes, confirmaram que as investigações sobre o caso vêm desde o mês de março e que hoje foram cumpridos quatro mandados de busca e apreensão expedidos pelo Juiz da 1ª Zona Eleitoral de Rio Branco.

A Polícia Federal tomou conhecimento de diálogos em um grupo de aplicativo de telefone celular de pessoas confessando ter vendido o voto ao vereador por R$ 50,00. O investigado ainda frisou que, se soubesse que obteria aquele valor, teria avisado a todos os componentes do grupo.

Além do vereador, outras três pessoas estão sendo alvos da operação, que são as que teriam recebido o dinheiro em troca do voto. A reportagem do ContilNet tentou falar com o vereador Raimundo Neném mas  não foi atendida.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.