30.3 C
Rio Branco
21 julho, 2021 3:01 pm

Com investimento de R$ 36 mi em máquinas, Governo quer recuperar 18 mil km de ramais

Maquinário vai ser utilizado em abertura e conservação de ramais; "2021 será o ano do produtor rural no AC", diz secretário

POR TIÃO MAIA, PARA CONTILNET

O governador Gladson Cameli entrega ao patrimônio do Estado, nesta segunda-feira (28), em Rio Branco (AC), mais um lote de equipamentos composto de máquinas pesadas destinadas à abertura e conservação de ramais em todo o Acre. São máquinas do tipo patrol, tratores e caminhões e caçambas que vão ser utilizados em obras de 18 mil quilômetros de ramais que integram a zona rural da Capital e do interior do Acre.

“2021 será ano do produtor rural no Acre”, disse, ao ContilNet, neste domingo (27), o secretário de Estado de Infraestrutura, Ítalo Medeiros, ao vistoriar os equipamentos a serem entregues. A solenidade ocorrerá sob uma tenda armada no pátio do Estádio “Arena Acreana”, na Via Chico Mendes. Colocadas uma ao lado das outras, as máquinas ocupam mais de três quilômetros ao longo da avenida.

Colocadas uma ao lado das outras, as máquinas ocupam mais de três quilômetros ao longo da avenida

O investimento é da ordem de R$ 36 milhões e foi obtido junto ao Ministério do Desenvolvimento Regional (MDS), por meio da Superintendência de Desenvolvimento da Amazônia (Sudam). Tratam-se de recursos originários de uma emenda de bancada federal do Acre no Congresso Nacional, que leva a assinatura de Gladson Cameli, na condição de senador da República, dos ex-deputados federais Raimundo Angelim, Major Rocha, atual vice-governador do Estado, e outros parlamentares.

O maquinário vai se somar a R$ 99 milhões, de outra emenda de bancada cujos recursos foram recuperados através de projetos do atual governo, que serão aplicados na zona rural do Acre. “Por isso que digo que o resto de 2021 será o ano do produtor acreano. Grandes e pequenos produtores serão agraciados com obras que vão deixar nossos ramais e estradas vicinais, todos trafegados”, concluiu o secretário Ítalo Medeiros.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.