19.3 C
Rio Branco
29 julho 2021 9:16 pm

Deputado da base diz que não foi ao ato de filiação de Neném porque “não ficava bem”

Parlamentar recém-filiado ao Podemos, Neném Almeida ainda se coloca como independente

POR LEANDRO CHAVES, DO CONTILNET

O deputado estadual Chico Viga (Podemos) justificou, nesta terça-feira (29), em sessão remota na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), que não compareceu ao ato de filiação de Neném Almeida ao seu próprio partido porque “não ficava bem”.

Viga é da base do governo na Aleac enquanto que o colega se coloca como independente, votando contra o Palácio Rio Branco em determinadas matérias.

“Você me convidou, eu não fui, mas você é bem-vindo ao Podemos. Não fui porque você realmente ainda é independente e não ficava bem eu, como deputado da base, ir para a filiação de um deputado que ainda não se declarou da base do governo”.

Viga declarou que o presidente da legenda, o ex-deputado Ney Amorim, deixou claro que tanto Almeida quanto Fagner Calegário, também filiado à sigla, teriam liberdade para manter a independência nas opiniões e votos.

“E eu concordei com a sua vinda desde o começo. Seja bem-vindo. Você tem todo o meu respeito e o meu apoio. Deixei isso declarado para o Ney”.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.