31.3 C
Rio Branco
27 julho, 2021 12:54 pm

Dia do Pastor Evangélico: em entrevista, pastor Reginaldo Ferreira fala sobre fé e religião

O Acre (32,7%) é o terceiro estado, proporcionalmente, com mais evangélicos do país, atrás apenas de Rondônia (33,8%) e Espírito Santo (33,1%)

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

O Dia Nacional do Pastor Evangélico, celebrado no segundo domingo de junho, é comemorado hoje, dia 13. O Acre (32,7%) é o terceiro estado, proporcionalmente, com mais evangélicos do país, atrás apenas de Rondônia (33,8%) e Espírito Santo (33,1%).

Para celebrar o dia, o ContilNet entrevistou um dos pastores mais influentes do Acre, Reginaldo Ferreira. Leia a entrevista na íntegra:

ContilNet – Qual a importância de comemorar o Dia do Pastor?

Pastor Reginaldo Ferreira – Veja bem, temos registros de que desde o ano 1957, no segundo domingo do mês de junho de cada ano, é celebrado o Dia do Pastor Evangélico. Esta celebração é uma homenagem aos ministros do Evangelho de Cristo, líderes das igrejas cristãs protestantes, responsáveis por ajudar a guiar os fiéis através dos ensinamentos bíblicos na sabedoria e unção do Espírito Santo.

Há mais três fatores que corroboram a importância de tal comemoração:

PRIMEIRO FATOR – É um dia para o próprio pastor refletir sobre o privilégio de ser ministro da Palavra de Deus. Homem algum merecia o privilégio de cooperar com Deus, no pastoreio de Seu povo. Mas, o próprio Senhor Jesus, designou homens e mulheres a tão digna missão..

SEGUNDO FATOR – O Dia do Pastor, serve para reafirmar a responsabilidade que lhes foi conferida. Responsabilidades diante de Deus que nos chamou em Cristo, diante da Igreja a que servimos, diante da sociedade que espera do pastor exemplos de elevadas virtudes, diante da verdade e dos absolutos do Evangelho.

TERCEIRO FATOR – O Dia do Pastor, presta-se a que lembremos e reafirmemos as exigências do Ministério da Palavra. Sim, o Ministério da Palavra, que é excelente em sua essência, apresenta imperativamente importantes exigências moral, ética, espiritual e habilidades para o bom desempenho do pastoreio. Só a graça de Cristo, para nos fazer dignos de tão honroso ministério!

ContilNet – Qual a relevância que o líder religioso tem nos dias atuais?

Pastor Reginaldo Ferreira – Biblicamente, a vida, e por conseguinte o homem (ser humano) é um ser espiritual. Somos um espírito, temos uma alma e habitamos em um corpo. Face a isso, a sociedade em qualquer tempo carece da assistência daqueles que são vocacionados, dotados de dons e capacitados para assistir nas questões transcendentais. A meu juízo, sociologicamente, líderes religiosos de diversas confissões de fé, ensinando a Palavra de Deus as pessoas, são de grande relevância em nossa sociedade, pois além da fé e da espiritualidade que professam, eles ajudam na formação ética, moral e religiosa de nossas comunidades através do serviço cristão.

ContilNet – Como se deu a sua escolha por esse caminho de fé?

Pastor Reginaldo Ferreira – Ouvindo, ouvindo e ouvindo a ministração da Palavra de Deus. O caminho, eu escolhi há anos. O caminhar, ah, o caminhar é um aprendizado e exercício contínuo de fé em Deus. Nesse processo, a mente vai se renovando pela meditação das escrituras sagradas e o caráter e conduta ajustando-se ao padrão divino.

ContilNet – Em momento de tantas discussões políticas, polarização e relações atravessados por violência, qual seria a orientação do senhor, como pastor, para as pessoas?

Pastor Reginaldo Ferreira – Que o amor é o melhor caminho, melhor resposta, melhor juiz, melhor remédio, o amor é vital em todas as relações interpessoais, o amor é a melhor forma de caminhar, sim, o amor é o que mais importa. Sempre!

Veja, é lamentável que o século XXI esteja até aqui caracterizado por polarizações religiosas e políticas. Onde as coisas se dividem primitivamente, em dois polos: “ o do contra” e o “a favor”. O resultado é sempre a barbárie; pelo fato de a escolha por um lado ter como imposição o aniquilamento de quem pensa diferente. O progresso e ou sucesso da sociedade e civilizações, só será possível na unidade, sabendo que unidade não pressupõe unanimidade. Mas, a consciência que leva os homens ao esforço conjunto por aquilo que além de comum é vital a todos. Assim, teremos unidade na diversidade, visto não ser possível unidade entre iguais.

Esse desequilíbrio causado pela intolerância religiosa e política tem gerado violência das mais diversas formas. Só o amor será capaz de dá aos homens meio a imensidão de suas diferenças, a percepção que o melhor do outro para mim está justamente no ser diferente de mim. Isso é a multiforme graça de Deus disponível aos aos seres humanos. Vamos responder com o amor com que Deus nos amou a todos indistintamente.

ContilNet – Que mensagem o senhor deixaria nesse dia aos pastores e pastoras do Acre?

Pastor Reginaldo Ferreira – Minhas Felicitações aos pastores e pastoras comprometidos com a Palavra de Deus, á serviço do povo e seu bem nesta vida e na eternidade.

Favor de Deus sobre vocês, suas famílias e respectivas igrejas. Amor, fé, força e honra!

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.