30.3 C
Rio Branco
8 junho, 2021 5:37 pm

Em Sena, porto de quase meio milhão feito pela prefeitura desaba e prejudica pescadores

Rampa às margens do rio Iaco deveria ter sido concluída em dezembro, informa a placa do convênio

POR TIÃO MAIA, DO CONTILNET

Os recursos de um convênio entre a Prefeitura de Sena Madureira e o Governo Federal, através do Ministério da Infraestrutura, no valor de R$ 495 mil, para a construção de uma rampa no bairro da Pista, às margens do rio Iaco, simplesmente desapareceram e a obra não foi concluída. É o que revela a placa da obra fincada para dar publicidade aos investimentos.

Placa dá detalhes do investimento/Foto: Cedida

Quase um ano depois de iniciada, além de não ter sido concluída, não houve qualquer prestação de contas dos recursos relacionados ao convênio entre o Ministério da Infraestrutura e a Prefeitura de Sena.

Obra desaba com o desbarrancamento do rio/Foto: Cedida

A obra deveria ter sido concluída quatro meses depois de iniciada, em dezembro de 2020, segundo expõe a placa do que deveria ser a obra. Abaixo da placa, onde a obra foi iniciada, o material que foi ali colocado está sendo aos poucos destruídos, com o desbarrancamento do rio.

Moradores da região e quem precisa da rampa para embarque e desembarque no local cobram explicações do prefeito Mazinho Serafim (MDB). Um dos moradores chegou a gravar áudio dizendo que, enquanto o prefeito compra vereadores que anteriormente eram de oposição e lhe fiscalizavam, recursos das obras como o da rampa simplesmente desaparecem sem a devida explicação ou prestação de contas.