33.3 C
Rio Branco
27 julho, 2021 5:33 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

‘Fulano di Tal de Teatro’ on line encerra ‘Do Bem-Amado’ nos próximos dias

Apresentações serão transmitidas pelo Youtube e gratuitas.desta quinta-feira a sábado (26).

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) – A última semana da 7ª Mostra Fulano di Tal de Teatro, da companhia que vem apresentando o espetáculo ‘Do Bem-Amado’ , se encerra nos próximos três dias. As apresentações serão transmitidas pelo Youtube e com entrada gratuita, desta quinta-feira a sábado (26). A história já é conhecida por gerações passada, sendo uma das novelas mais famosas da TV brasileira, que o grupo adaptou a forma teatral.

O espetáculo ‘Do Bem-Amado’ pelo Youtube do grupo. na sessão de sábado (26) contará com intérprete de libras, para fechar com chave de ouro a Mostra que começou entre os dias 10 e 12 de junho. Já ocorreu o espetáculo infantil ‘A Fabulosa História do Guri-Árvore’, seguido ‘Do Bem-Amado’ entre os dias 17 e 19 e, nesta semana, encerra com mais apresentações desta última peça.

O espetáculo ´Do Bem-Amado´ conta a história de Odorico Paraguaçu, prefeito da cidade de Sucupira do Sul, que tem como principal meta de governo a inauguração de um cemitério municipal. Com o apoio das irmãs Cajazeiras Dorotéa, Dulcinéa e Judicéa (com as quais o político mantém relações muito próximas), a ajuda de seu secretário Dirceu Borboleta, a oposição de Neco Pedreira (dono do único jornal da cidade) e com os conselhos do Vigário da cidade, o prefeito Odorico precisa encontrar um meio para conseguir realizar sua meta.

O espetáculo também é uma remontagem da versão criada pelo Fulano di Tal em 2019. Livremente inspirado na famosa obra “O Bem-Amado” de Dias Gomes, com direção e encenação de Anderson Bosh, dramaturgia de Edner Gustavo e Marcelo Leite com colaboração do elenco da companhia. No palco apresentam-se Douglas Moreira, Edner Gustavo, Ewerton Goulart (também faz a direção musical), Fernando Lopes Lima e Marcelo Leite. A iluminação é de Camila Jordão e Yuri Tavares. Nesta montagem a trilha sonora é executada pelos atores em cena que tocam e cantam ao vivo.

Teatro em trilogias

O grupo Fulano di Tal iniciou uma trilogia sobre questões sociais brasileiras em 2013, com a montagem de “O Santo e a Porca” de Ariano Suassuna, deu continuidade em 2015 com a montagem de “Ópera do Malandro” de Chico Buarque, e finda atualmente com a montagem “Do Bem-Amado”.

Conforme Marcelo Leite, diretor e ator do grupo, nos dois primeiros espetáculos foram levantadas questões, preposições, críticas e reflexões sobre temas como religiosidade e avareza, leis trabalhistas, exploração do trabalho, contrabando de produtos estrangeiros, preconceito com a homossexualidade e para essa última montagem a política, tema bastante atual.

“Em todas as montagens não perdemos nossa assinatura cênica, tampouco qualidade visual em detrimento do tema, e nesse último trabalho pretendemos uma cena rica em imagens e qualidades teatrais, tecnologias que aprimorem o nosso fazer artístico, e posicionamento social. Sem perder o ludismo, o lirismo e a excelência artística. Neste ano, reformulamos o espetáculo, com um elenco renovado e situações mais atuais”, conta Leite. 

Serviço: 

O teatro via internet será de quinta (24) a sábado (26), às 19 horas, o grupo de teatro Fulano di Tal encerra a ´7ª Mostra Fulano di Tal de Teatro´, com apresentações do espetáculo ´Do Bem-Amado´ pelo Youtube do grupo. A sessão de sábado (26) contará com intérprete de libras.

Reservas de ingressos pelo link: www.sympla.com.br/7-mostra-fulano-di-tal-de-teatro__1243383.  Mais informações pelo FacebookInstagram, pelo site www.fulanodital.com.br ou pelos telefones/whatsapp (67) 9 9202-0449 / (67) 9 9339-5734.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.