25.3 C
Rio Branco
27 julho, 2021 10:13 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Número caiu por estar subestimado, mas não há mais leitos Covid em MS

Foram 915 novos casos e 40 mortes registrados nas últimas 24 horas em MS

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) –  “Não há mais leitos para tratamento da Covid”, diz o secretario estadual de Saúde Geraldo Resende, na manhã desta segunda-feira (14), na abertura da Live diária realizada para repasse dos dados atualizado da situação da Pandemia da Covid 19 em Mato Grosso do Sul. Ele destacou o significativo aumento dos casos, bem como as novas medidas de restrição, desde ontem, que visam combate a doença. O secretário comentou também sobre abertura de novos leitos de UTI para tratamento de pacientes acometidos pelo vírus.

Os dados da SES (Secretaria de Estado de Saúde de MS), informou 915 novos casos registrados nas últimas 24 horas em MS. O calculo total no decorrer da pandemia em MS é de 314.445, número que vem apresentando significativo acréscimo nas últimas semanas. Em relação aos óbitos, o relatório diário destaca um total de 40 pessoas, sendo 21 só na Capital. E outras 24 mortes estão em investigação que perderam a vida para o vírus. Foram confirmadas até o momento 7.517 mortes no Estado.

“Os números que apresentam até baixa no comparativo a semana anterior, mas que, entretanto não devem ser comemorados, por se tratar de um dado subestimado pelo retorno de um fim de semana, onde equipes trabalham regime de plantão diminuindo a capacidade de apuração”, disse o secretário.

Resende novamente em tom de muita preocupação ressaltou a situação caótica que vive a saúde atualmente. “Não é exagerar, mas não há mais leitos para tratamento da Covid. Como todos já sabem estamos transferindo pacientes a outros Estados e aqui já estamos utilizando leitos não habilitados , improvisados”, admitiu o titular da SES.

Outros dados atualizados

De acordo com a SES, ainda se encontram aguardando para análise 3.999 amostras no Laboratório Central de Mato Grosso do Sul (Lacen), que está operando com sobrecarga e recebendo auxílio de parceiros para realização das análises.

UTIS – Já os pacientes que seguem em tratamento nas unidades hospitalares públicas são 429 em leitos clínicos, onde são tratados casos de menor gravidade e 432 em leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI), local em que estão os mais graves. O total de internados é de 1.205, entre as redes públicas e privadas de saúde apresentando acréscimo.

Lista de espera para os que aguardam por um leito de tratamento de covid no Estado, não para de subir, contribuindo ainda mais para o colapso já instalado na saúde. Central de Regulação de Campo Grande 128 pessoas em lista de espera. Conforme informações da SES, a disponibilidade de leitos de UTI destinados a Covid na Capital é de 107%, onde tem sido necessário a criação de leitos improvisados.

O boletim atualizado traz também, que muitos quadros seguem realizando isolamento em sua residências, que nesta segunda somam 17.679.

Essas e outras informações sobre a pandemia no Estado, podem ser acompanhadas através do site: https://www.coronavirus.ms.gov.br/

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.