24.3 C
Rio Branco
26 julho, 2021 8:20 am

Milionário, Gil do Vigor se diz feliz na carreira e na fé, mas ainda à procura da felicidade completa: ‘Quero cachorrada com amor’

Neste Mês do Orgulho LGBTQIAPN+, Gil é visto com admiração por sua comunidade e já carrega a responsabilidade de ser uma referência

POR EXTRA

Barba, cabelo e bigode “na régua”; sobretudo xadrez em tons de cinza, preto e branco; unhas coloridíssimas, feito o arco-íris. Gilberto José Nogueira Júnior apareceu assim, todo estiloso, do outro lado da tela, para conversar com o EXTRA. O economista que o país aprendeu a amar como o espalhafatoso Gil do Vigor, durante o “BBB 21”, tem todos os tons: do menino nascido em família pobre e problemática em Jaboatão dos Guararapes (PE), cujo sonho de se tornar modelo foi minado pelo pai, de quem herdou o nome e muitas cicatrizes, ao homem que libertou sua sexualidade aos olhos de todo o Brasiiiiiiiiiil, e mesmo ficando em quarto lugar no pódio do reality show conquistou milhões — em seguidores e dinheiro — por seu carisma e sua autenticidade. Até livro, em tempo recorde, ele lançou: “Tem que vigorar!” (Globo Livros, 128 páginas, R$ 29,90), em que compartilha detalhes de sua história sofrida, chegou às prateleiras no último dia 10.

Neste Mês do Orgulho LGBTQIAPN+, Gil é visto com admiração por sua comunidade e já carrega a responsabilidade de ser uma referência. Funcionário da Globo até embarcar, em setembro, para cursar seu PhD na Califórnia (EUA), ele enfatiza que os estudos são sua prioridade e que tem experimentado com cautela o mundo da fama: “Se não der certo, eu me escondo. Não tenho problema com isso, não. Vou morar bem longe”.

Leia a entrevista com o ex-BBB no EXTRA, clicando AQUI.

 

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.