23.3 C
Rio Branco
1 agosto 2021 11:54 pm

No Acre, pessoas de 60 a 69 anos foram as que mais morreram por Covid-19

Até o momento, 412 acreanos nessa faixa etária perderam a vida para a pandemia

POR LEANDRO CHAVES, DO CONTILNET

No Acre, pessoas entre 60 e 69 anos foram as que mais morreram de Covid-19. Até o momento, 412 acreanos nessa faixa etária perderam a vida para a pandemia. O número representa 24% do total, ou quase 1/4 das vítimas.

Em seguida, no ranque, aparecem idosos de 70 a 79 anos, com 395 mortes, seguido da faixa etária dos 80 anos ou mais, com 357 óbitos.

O ranque acima é de número absoluto de óbitos. No entanto, se analisada a incidência de mortes em cada faixa etária, o resultado se inverte, com pessoas de 80 anos ou mais ocupando o topo da lista e as de 60 ficando em terceiro.

Ainda em dados absolutos, acreanos entre 50 e 59 anos somam 261 vidas perdidas. Na faixa dos 40 anos foram 172 mortes por coronavírus. Na de 30, 82 mortes. Óbitos na faixa dos 20 anos são mais raros e somam, no Acre, 27.

Nove jovens de 10 a 19 anos morreram no estado, enquanto que quatro crianças de 1 a 9 faleceram pela doença, número inferior à quantidade de bebês, seis.

Ao todo, 1.725 acreanos perderam a vida para a Covid-19 em 15 meses de pandemia.

spot_imgspot_imgspot_imgspot_img
É permitida sua reprodução total ou parcial desde que seja citada a fonte. Opiniões emitidas em artigos e comentários são de responsabilidade exclusiva dos autores.