29.3 C
Rio Branco
11 junho, 2021 12:36 pm

Programa Qualifica Acre vai oferecer 1720 vagas, em diversos cursos, no Juruá

O programa tem como objetivo ofertar 4290 vagas em 27 cursos diferentes por meio do PSG aos 22 municípios acreanos

POR ASCOM

O Sistema Fecomércio, por meio do Senac Acre, a Seplag e a SEASDHM – ambos representando o Governo do Estado -, estiveram reunidos com os representantes dos municípios do Juruá para pactuar as vagas em cursos gratuitos do Senac no Programa Qualifica Acre, que tem como objetivo levar capacitação qualificação e requalificação profissional para pessoas necessitadas pelo Programa Senac de Gratuidade (PSG) aos 22 municípios acreanos.

O primeiro município visitado foi Feijó na terça-feira, 8, e em reunião com o vice-prefeito Elson José foram pactuadas 240 vagas em 9 cursos diferentes. Continuando a jornada no Juruá, na quarta-feira, 9, aconteceu a pactuação de vagas no município de Tarauacá. O Senac Acre, Seplag e SEASDHM estiveram reunidos com a prefeita Maria Lucinéia.

Para o município de Tarauacá, serão destinadas 330 vagas em 10 cursos diferentes e seleção dos beneficiados às vagas gratuitas ficará a cargo da prefeitura, com o auxílio da Secretária Municipal de Assistência Social de Tarauacá.

Na sexta-feira, 11, a equipe do Senac Acre e Governo do Estado em com a participação vice-prefeito de Cruzeiro do Sul, Henrique Afonso; Angela Valente vice-prefeita de Mâncio Lima; Maiany Teles representante da Secretaria municipal de assistência Social de Porto Walter; o vice-prefeito de Rodrigues Alves, Nilson Magalhães e de Marechal Thaumaturgo, Fatima Cruz, secretaria de Assistência Social. Na ocasião, foram pactuadas as seguintes vagas: Para Cruzeiro do Sul serão destinadas 880 vagas em 27 cursos; Mâncio Lima 100 vagas em 3 cursos diferentes; Rodrigues Alves 90 vagas em 4 cursos diferentes; Marechal Thaumaturgo ficara com 80 vagas em 3 cursos e Porto Walter 80 vagas em 3 cursos.

No lançamento do programa Qualifica Acre durante a Assembleia Geral Extraordinária da Associação dos Municípios do Acre (AMAC) em maio, o presidente do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, Leandro Domingos, explicou que durante a pandemia o Sistema não parou, foram diversas ações humanitárias à população acreana e que agora era o momento do Senac, “braço de formação profissional” da Fecomércio, levar seus serviços a quem precisa.