20.3 C
Rio Branco
17 junho, 2021 7:44 am

“Se apoiar a reeleição do Gladson, será bem-vindo”, diz presidente do PSL sobre Rocha

Partido no qual o vice-governador é filiado foi oficialmente para a base do governo; Rocha e Gladson não se entendem há meses

POR LEANDRO CHAVES, DO CONTILNET

O presidente estadual do PSL, Pedro Valério, comentou sobre a situação do vice-governador do Acre, Major Rocha, no partido, agora que a sigla está oficialmente sob a esfera de influência do governo. Rocha e Gladson Cameli (Progressistas) não se entendem mais desde o ano passado, chegando a trocar farpas publicamente.

“É um filiado ilustre, uma liderança política filiada ao nosso partido. Se ele se perfilar com o PSL e quiser caminhar nesse projeto, apoiando a reeleição do governador Gladson, será muito bem-vindo”, disse o dirigente.

Ele afirmou ainda que o vice-governador tem carta branca para se candidatar pelo PSL ao cargo que quiser. “Deputado estadual, deputado federal, o que ele preferir”.

Valério lembrou que o atual direcionamento foi tomado em sintonia com o partido a nível nacional. “Então compete ao Rocha, enquanto filiado, decidir se acompanha ou não. Porém, torcemos que ele acompanhe e caminhe com a gente”.

O PSL vai filiar no dia 14 o ex-secretário de Saúde do Acre, Alysson Bestene. Há possibilidades de ele ser o candidato a vice de Gladson em 2022.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.