21.3 C
Rio Branco
25 julho, 2021 1:50 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Sem tradicional disputa, live reúne bumbás de Parintins, no Amazonas

Festival Folclórico de Parintins, realizado há mais de 50 anos, teve a 55ª edição em 2019

POR G1 AM

Os bumbás Caprichoso e Garantido se reuniram na noite deste sábado (26) na arena do Centro Cultural de Parintins – Bumbódromo – em uma live em alusão ao Festival de Parintins. O evento ocorreu sem a participação dos torcedores nas arquibancadas, em razão da pandemia da Covid-19.

No evento, os bumbás mantiveram a tradição de brincar de boi no último final de semana de junho, Segundo o governo, todos os participantes foram testados para Covid-1, e o evento respeitou medidas como uso de máscara, distanciamento social, além de aferição de temperatura e higienização das mãos com álcool em gel.

De acordo com o Governo do Estado, a Live Parintins 2021 teve o objetivo de aquecer a economia do município e gerar renda para trabalhadores dos bumbás que vivem do Festival – que não aconteceu pelo segundo ano consecutivo, em razão da pandemia. O Festival Folclórico de Parintins, realizado há mais de 50 anos, teve a 55ª edição em 2019.

O Caprichoso, primeiro boi a se apresentar neste sábado, levou para a arena “Cultura que Resiste”, afirmando que, em tempos de pandemia, quando os palcos esvaziaram, bailarinos ficaram sem dança e músicos ficaram sem som, o povo Caprichoso resistiu.

Um dos pontos altos da apresentação foi o “Ritual de Transcendência Yanomami: Terra Livre aos Povos Originários”. O momento foi um manifesto contra a devastação da Amazônia.

O Garantido apresentou a temática “Eu amo Parintins”, apostando em uma live compacta, voltada à identidade da Baixa do São José e ao princípio universal da solidariedade. O objetivo do Boi do Povão foi promover um espetáculo folclórico e emocionante.

 

 

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.