18.3 C
Rio Branco
28 julho 2021 10:30 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Senai abre inscrições a cursos em 12 cidades de MS com 4 mil vagas

Vagas são 2.335 para cursos técnicos presenciais,1.560 vagas a cursos técnico EAD e 130 vagas para graduação

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) – O Senai-MS (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial de Mato Grosso do Sul) está com 4.025 vagas abertas em cursos de graduação e técnicos de nível médio nas modalidades presencial e a distância. Do total, são distribuídos em 12 municípios de MS, que incluem as quatro maiores cidades do Estado: Campo Grande, Corumbá, Dourados e Três Lagoas.

Os cursos são oportunidades para quem quer turbinar o currículo e conseguir o próximo ou primeiro emprego e desenvolver novas habilidades profissionais. As inscrições já estão abertas e as aulas estão previstas para começar no início deste mês de agosto. Do total de 4.025 vagas disponíveis, 2.335 são para cursos técnicos presenciais,1.560 vagas para cursos técnico EAD e 130 vagas para graduação

O diretor-regional do Senai-MS, Rodolpho Caesar Mangialardo, destacou que as ofertas buscam atender as demandas da indústria no Estado. “O Senai está sempre inovando atento às necessidades de mercado das indústrias de Mato Grosso do Sul. Estamos investindo em novos cursos atrelados à Indústria 4.0, logística, entre outros”, destaca.

Os dois novos cursos superiores estão sendo lançados no segundo semestre: o curso superior de tecnologia em design de interiores e o curso superior de tecnologia em construção de edifícios. “Novidades que estão atreladas às demandas do mercado de trabalho atual. São dois cursos de graduação presenciais em Campo Grande em profissões que estão em alta no mercado de trabalho e que foram pensados justamente para atender essa demanda crescente”, avalia o gerente de educação, Rogaciano Canhete Júnior.

Os cursos presenciais oferecidos pelo Senai em MS

São 2.335 vagas para os cursos técnicos na modalidade presencial, que estão distribuídos por 12 cidades: Aparecida do Taboado, Campo Grande, Corumbá, Dourados, Maracaju, Naviraí, Nova Andradina, Rio Verde, São Gabriel do Oeste, Sidrolândia, Sonora e Três Lagoas.

Já na modalidade presencial com 130 vagas em cursos superiores em duas cidades: Campo Grande e Dourados. Os cursos superiores serão de Tecnologia em automação industrial, curso superior de tecnologia em design de interiores, curso superior de tecnologia em construção de edifícios e MBA  em engenharia de produto.

Os cursos técnicos são em administração, técnico em agroindústria, técnico em alimentos, técnico em automação industrial, técnico em automação automotiva, técnico em design de móveis, técnico em eletrotécnica, técnico em eletromecânica, técnico em informática para internet, técnico em logística, técnico em manutenção de máquinas industriais, técnico em manutenção automotiva, técnico em mecânica, técnico em móveis, técnico em recursos humanos, técnico em redes de computadores, técnico em refrigeração e climatização, técnico em edificações, técnico em produção de moda, técnico em qualidade, técnico em química, técnico em papel e celulose, técnico em soldagem, técnico em segurança do trabalho e técnico em sistema de energia renovável.

Veja onde estão os cursos a distância oferecidos pelo SENAI em MS

Para a modalidade EAD, o Senai disponibiliza 1.560 vagas de cursos técnicos distribuídas nas cidades de Campo Grande, Corumbá, Dourados, Maracaju, Naviraí, Nova Andradina, Rio Verde de Mato Grosso, Sidrolândia, Sonora e Três Lagoas.

Os cursos oferecidos são técnico em logística, técnico em automação industrial, técnico em eletrotécnica, técnico em manutenção automotiva, técnico em manutenção e suporte em informática, técnico em mecânica, técnico em administração, técnico em alimentos, técnico em química, técnico em edificações, técnico em segurança do trabalho, técnico em eletromecânica e técnico em celulose e papel.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.