23.3 C
Rio Branco
1 agosto 2021 11:55 pm
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Velocidade faz caminhoneiro perder contrabando e quase provocar tragédia em BR de MS

Ele pulou do caminhão e o deixou pela estrada rodando até cair no acostamento.

POR LÚCIO BORGES ORTEGA - CORRESPONDENTE MS

CAMPO GRANDE (MS) – A velocidade alta na rodovia fez a PRF-MS (Polícia Rodoviária Federal em MS) ir atrás e ‘parar’ um caminhoneiro, que seria pego pela infração de trânsito, mas que acabou por perder grande contrabando de cigarro. O então contrabandista fugiu, após ainda quase provocar uma tragédia na BR-060, em Campo Grande. Ele pulou do caminhão e o deixou pela estrada rodando até cair no acostamento.

Conforme a PRF, após o condutor protagonizar uma cena de filme e também quase uma tragédia que poderia matar terceiros inocentes na rodovia, se descobriu o motivo da fuga e foi apreendido 450 mil maços de cigarro contrabandeados e recuperado um caminhão roubado que transportava a carga. “A ação foi na quinta-feira (17), no km 352, da BR-060, na Capital, onde o motorista ‘caiu’ porque estava em velocidade alta na rodovia, ainda mais para um caminhão carregado”, apontou a Federal.

A PRF detalha que, os policiais rodoviários federais perceberam que o caminhão M.Benz Axor, que tracionava dois semirreboques, trafegava em uma velocidade aparentemente acima do permitido no local. Assim, resolveram realizar a abordagem, mas o veículo que já estava rápido, acelerou mais, em pretensa fuga. O motorista deixou o caminhão pela via e o mesmo caiu no acostamento.

“Após a ordem de parada, o condutor não obedeceu e acelerou veículo e empreendeu fuga. Então os PRFs perceberam que o suspeito abandonou a direção do cavalo-trator e se projetou para fora do veículo em movimento, através da porta do passageiro. O conjunto veicular saiu da pista, parando em uma região com densa mata. E ele conseguiu fugir”, registrou a PRF.

O contrabando com Placa fria

Os agentes ao chegarem nos semirreboques, encontraram diversas caixas de cigarro de origem paraguaia, que totalizaram na apreensão de 450 mil maços. Foram realizadas buscas pela região, mas o suspeito não foi localizado.

Constatou-se ainda que o cavalo-trator possuía placas falsas, se tratando de um veículo com restrição judicial. Os veículos e a carga de cigarro contrabandeados foram encaminhados para a Receita Federal em Campo Grande (MS).
Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.