33.3 C
Rio Branco
23 julho, 2021 3:53 pm

Acre registra queda de denúncias de violência contra idosos no 1º semestre de 2021

Os dados, referentes ao primeiro semestre dos anos de 2020 e 2021, foram divulgados pelo Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos

POR MARIA FERNANDA ARIVAL, PARA CONTILNET

O Estado do Acre teve uma queda no número de denúncias contra a pessoa idosa em comparação ao primeiro semestre do ano anterior. Dentre os meses de janeiro a junho de 2020, os números mostram o registro de 145 denúncias. Já este ano, no mesmo período, as informações do Painel de Dados da Ouvidoria Nacional de Direitos Humanos indicam 103 denúncias.

Danos físicos e psicológicos que levam à morte são considerados violência pelo Estatuto do Idoso no Brasil desde 2003, com pena de até quatro anos de reclusão para quem cometer crimes como: abandono familiar, maus-tratos físicos e psicológicos e abusos financeiros. Ainda segundo o gráfico do órgão, o grupo de maior vulnerabilidade são idosos da faixa etária de 70 a 74 anos.

Para fins de conscientização e de prevenção de tais crimes, foi criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) e a Rede Internacional de Prevenção à Violência à Pessoa Idosa no ano 2006 a campanha Junho Violeta, com data oficial marcada para o Dia Mundial de Conscientização da Violência Contra a Pessoa Idosa, dia 15. A data foi criada para que a população fique atenta a quaisquer sinais de abuso contra a integridade física e moral de idosos.

Além disso, há um Disque Denúncia para contatar as autoridades quando for necessário. O Disque 100 é o canal onde são reportados os casos de violência contra a pessoa idosa, sendo um meio oficial do Governo Federal. Em âmbito estadual, os números para denúncia são:

Delegacia do Atendimento ao Idoso – 181

Delegacia de Atendimento ao Idoso/Polícia Civil – (68) 3225-5515

 

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.