18.3 C
Rio Branco
28 julho, 2021 7:34 am
spot_imgspot_imgspot_imgspot_img

Bebê de 9 meses morre de Covid nos braços da mãe a caminho do hospital

De acordo com as informações do secretário de Saúde de Costa Rica, Jesus Bairdi, a criança chegou na Fundação de Saúde do município com sintomas graves da Covid e morreu durante a transferência para o Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, em Campo Grande

POR G1 MS

Uma bebê, de 9 meses, morreu de Covid nos braços da mãe a caminho de uma Unidade de Tratamento Intensiva (UTI), específica para crianças, no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul, em Campo Grande. De acordo com as informações do secretário de Saúde de Costa Rica (MS), Jesus Bardi, a bebê deu entrada na Fundação Hospitalar do município na tarde do dia 29 de junho deste ano e veio a óbito à noite, durante a transferência.

O caso só veio à tona nesta quinta-feira (1º), com a divulgação oficial da morte da bebê, de 9 meses, através do boletim epidemiológico, divulgado pela secretaria estadual de Saúde (SES). Conforme os dados do documento oficial, a menina tinha síndrome de down e uma doença respiratória crônica.

Segundo as informações do laudo de óbito da criança, obtidas com exclusividade pelo G1, através do secretário de Saúde de Costa Rica, a bebê de 9 meses, deu entrada no hospital da cidade no dia 29 de junho deste ano, às 14h29.

O secretário explicou que a criança ficou em observação até às 21h, quando foi encaminhada para Campo Grande, no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul. Bairdi detalhou que a bebê veio a óbito durante o transporte, por volta das 22h, do dia 29 de junho deste ano.

“A mãe chegou queixando que a criança estava com falta de ar e fez o teste de Covid, que deu positivo. Chamamos o cirurgião para fazer o acesso venoso, foi feito e em seguida chamaram o pediatra que recomendou que ela fosse intubada. Foi muito rápido”, detalhou Bairdi.

 

Ainda conforme as informações de Bairdi, a família da menina chegou a unidade primária, que atende casos no início dos sintomas da Covid, no dia 28 de junho, um dia antes da morte da bebê. Porém, a família teria feito os testes para detecção do vírus, que deram negativo.

“O atendimento pré-hospitalar foi no dia 28 de manhã. Ela relatou os sintomas, a médica fez outros exames. A informação da mãe é que ela não tinha tido contato com ninguém e não testaram positivo. A médica pediu para que ele voltasse no dia seguinte para dar o tempo certinho. A médica seguiu o protocolo, a médica examinou outras partes da menina, medicou e mandou ficar em observação para voltar no dia seguinte”, detalhou.

Dados da Covid

Conforme os dados da SES, 2.116 casos de Covid em crianças menores de 1 ano foram confirmados em Mato Grosso do Sul. Em relação aos óbitos, três foram bebês com menos de um ano de idade morreram em decorrência do coronavírus no estado.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.