25.3 C
Rio Branco
22 julho, 2021 9:39 pm

Frank diz que denúncias contra ele são retaliações por denunciar superfaturamento

“Eu não tenho problema em esclarecer tudo, mas já acionei o MPAC para investigar as duas coisas"

POR EVERTON DAMASCENO, DO CONTILNET

Em entrevista ao ContilNet na manhã desta segunda-feira (12), o atual secretário de Saúde da Prefeitura de Rio Branco, Frank Lima, comentou as acusações que foram feitas contra ele sobre assédio moral e físico, divulgadas na mídia, neste domingo (12).

O site Notícias da Hora publicou com exclusividade os áudios de algumas das mulheres que trabalham na Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e relataram os casos.

Frank acredita que está sofrendo retaliações por denunciar supostos superfaturamentos em licitações da Semsa – em que uma das vítimas estaria envolvida.

“Isso é retaliação. Não vou deixar de fazer o meu trabalho como gestor porque minha honra foi atacada injustamente, com acusações infundadas. Estão com medo do que pode vir por aí com essas investigações que estamos iniciando, para apurar desvios aqui na Semsa”, comentou o secretário.

Lima destacou que já acionou o Ministério Público do Acre (MPAC) para tratar dos dois assuntos: denúncias feitas contra ele e o superfaturamento na pasta.

“Eu não tenho problema em esclarecer tudo, mas já acionei o MPAC para investigar as duas coisas: as acusações sem provas que fizeram contra mim e os atos de corrupção nas licitações. Não vão me impedir de fazer o meu trabalho”, explicou.

“O fato é que não posso ser julgado pela denúncia, e tenho o direito de me posicionar. Todo mundo que me conhece de verdade, inclusive o prefeito Tião Bocalom, com quem conversei sobre isso, sabe que tenho uma postura ética e responsável diante do que me proponho a fazer no meu exercício profissional. Eu tenho o direito de me defender”, salientou o secretário.

As denunciantes procuraram a vereadora Michelle Melo (PSB) para falar sobre o caso. A parlamentar disse que vai levar os depoimentos para a Câmara Municipal de Rio Branco e investigar a fundo cada um deles.

Frank disse que não está surpreso com o posicionamento de Michelle, já que “o problema da vereadora com ele é pessoal”.

“Não me surpreendo ao ver que a Michelle está indo a fundo nessas denúncias, já que o problema dela comigo se tornou pessoal”, finalizou.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.