18.3 C
Rio Branco
29 julho 2021 1:16 am

Duarte avança na discussão da implantação da plataforma online para formalização dos processos

POR ASCOM

O deputado estadual Roberto Duarte afirmou, hoje, durante reunião no Instituto do Meio Ambiente do Acre (IMAC), que a plataforma terá um impacto muito positivo, pois garantirá celeridade e economia para o poder público e, principalmente, para os produtores rurais, especialmente os que moram nos municípios do interior do Acre, que dependem dos órgãos ambientais instalados apenas em Rio Branco para obterem esses serviços.

A ideia é que o IMAC disponibilize, em plataforma on line, todos os formulários e requerimentos necessários para formalização dos processos que já dispensam o licenciamento ambiental.

“Agradeço ao deputado Roberto Duarte por sua proatividade, pois ele nos reivindicou e apresentou a solução. Estamos avançando nesta demanda e não mediremos esforços em implantar esta plataforma on line, que atenderá a todos os municípios do Acre, gerando muita economia, em especial, para os produtores rurais que não precisarão vir até a capital resolver esses problemas”, disse Renê Fontes – diretor do IMAC.

“Fiz questão de vir aqui agradecer ao Renê e toda equipe do IMAC que receberam esta reivindicação feita pelo Sr. José Filho, lá de Tarauacá, mas que atenderá a todos, em especial os que moram nos municípios acreanos. Tudo que for de interesse da população terá meu irrestrito apoio. É assim que trabalho: trago as reivindicações e apresento as sugestões. Luto por um Acre mais justo e próspero e, por isso, reitero que meu mandato está à disposição do IMAC”, acrescentou Roberto Duarte.

Na oportunidade, os servidores do Instituto do Meio Ambiente mostraram ao deputado estadual Roberto Duarte a necessidade de ser realizado um concurso público. Atuamente, eles contam com uma equipe de, aproximadamente, 160 pessoas para atender todo o estado. “Uma das bandeiras do atual governo é o fortalecimento do agronegócio, para isso, o IMAC precisa estar com uma boa quantidade de corpo técnico e que seja qualificado”, comentou Roberto Duarte.

Os artigos são de responsabilidade exclusiva dos autores. É permitida sua reprodução, total ou parcial desde que seja citada a fonte.